Covid - 19
Tocha

Passagem da Tocha por Jaraguá do Sul foi marcada por festa e emoção

13 Jul 2016 - 17h53


O momento também foi histórico para os 35 participantes divididos entre ex-esportistas, empresários e pessoas da sociedade em geral que conduziram o símbolo maior das Olimpíadas da Scar, ponte de partida, até a Arena. Foram 7,6 quilômetros de percurso com a participação de 35 condutores. Após percorrer as principais ruas da cidade, o fogo olímpico, que veio de Massaranduba, partiu para São Francisco do Sul.



Entre os condutores, o sentimento de orgulho veio à tona. “É um momento único, emocionante e que representou muito. Isso engrandece nossa missão de contribuir ainda mais como esporte”, disse Benhur Rosado Sperotto, de 68 anos, que conduziu a Tocha no momento da sua chegada na Arena. “Um sentimento indescritível. Lutei 18 anos pelo índice olímpico e por 20 centésimos não alcancei. E esse momento me realizou com o sonho olímpico”, comemorou Cornelia Holzinger Caglioni, 52, ex-atleta profissional de atletismo.



Aos 43 anos, Christiano Goulart Machado trabalha no desenvolvimento das técnicas do Voleibol para crianças e idosos. “Esse momento fortalece nosso vinculo o esporte. É o maior incentivo que recebi em minha vida”, frisou. Altair Ambrósio Zimmermann revelou que foi difícil conter a emoção. “Não achava que ia me emocionar, mas tudo veio na cabeça, desde a infância até o momento que saiamos do bairro Nereu Ramos para fazer o que gostávamos, que era jogar bola”, disse o praticante de futebol de campo e de futsal.



O público também marcou presença em grande número. Adultos e crianças lotaram as avenidas da cidade para acompanhar a passagem do fogo olímpico. Em meio ao revezamento, a emoção tomou conta da população que assistiu de perto todo o trajeto. “Foi muito lindo. Trouxe minha neta para ver esse momento porque incentivamos muito ela a praticar esporte. Todos estão de parabéns, porque foi muito bem organizado”, disse Maria Cristina.



Entre os condutores, o sentimento de orgulho veio à tona. Benhur Rosado Sperotto, de 68 anos, que conduziu a Tocha no momento da sua chegada na Arena.[jwplayer mediaid="286098"]

Cornelia Holzinger Caglioni, 52, ex-atleta profissional de atletismo.[jwplayer mediaid="286099"]

Aos 43 anos, Christiano Goulart Machado trabalha no desenvolvimento das técnicas do Voleibol para crianças e idosos. [jwplayer mediaid="286100"]

Altair Ambrósio Zimmermann revelou que foi difícil conter a emoção. Ele é funcionários dos Correios e praticante de futebol de campo e de futsal. [jwplayer mediaid="286102"]

Giovani Elias Brugnago, 25 anos, praticante de Artes Marciais. [jwplayer mediaid="286101"]

Matérias Relacionadas

Saúde

Pama amplia horário de plantões no fim de semana

Voltado a pessoas com sintomas de gripe, suspeitas de Covid-19, o atendimento acontece das 7 às 22 horas
Pama amplia horário de plantões no fim de semana
Jaraguá do Sul

Frio mobiliza equipe da Abordagem Social com serviço destinado para moradores de rua

O número de pessoas abordadas (306) foi quase 50% maior de março (50) para abril (74)
Frio mobiliza equipe da Abordagem Social com serviço destinado para moradores de rua
Jaraguá do Sul

Juro Zero fecha plantão com mais de 160 contratos de financiamento para microempreendedores

Município lançou o programa como forma de amenizar os efeitos da pandemia junto aos segmentos mais vulneráveis da economia
Juro Zero fecha plantão com mais de 160 contratos de financiamento para microempreendedores
Futsal

Jaraguá Futsal estréia na Série Ouro no dia 18

Os jogos serão disputados com portões fechados por conta da pandemia do novo coronavírus.
Jaraguá Futsal estréia na Série Ouro no dia 18
Ver mais de Jaraguá do Sul