Banner Proauto
Política

Justiça Federal determina que Zé da Farmácia cumpra pena

10 Ago 2016 - 10h19
Ávila chegou a ser levado para a Delegacia da Polícia Federal pela prática de crime de tráfico de drogas, acusado de vender medicamente sem registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária e sem nota fiscal, ainda em 2010.

Como a pena é menor de quatro anos, ele cumprirá prestando serviços comunitários durante três anos, dez meses e 20 dias, além de pagar uma multa de R$ 10 mil.

O Despacho/Decisão foi assinado pelo juiz federal substituto Joseano Maciel Cordeiro, da 1ª Vara Federal de Jaraguá do Sul, na noite de segunda-feira (8).

José de Ávila perde os direitos políticos e, de acordo com decisão da Ministra do Supremo Tribunal Federal, Carmen Lúcia, perderá a função de vereador e, neste caso, o cargo de presidente da Câmara de Vereadores de Jaraguá do Sul.
GNet

Matérias Relacionadas

Saúde

Covid-19: Jaraguá libera reforço para quem tomou a D2 até 07 de julho

Também segue a imunização para quem ainda não tomou a D2 e para outros grupos
Covid-19: Jaraguá libera reforço para quem tomou a D2 até 07 de julho
Saúde

Posto de Saúde do João Pessoa terá Farmácia Básica a partir de quarta-feira

Unidade terá os mesmos medicamentos oferecidos nas outras quatro farmácias básicas do município
Posto de Saúde do João Pessoa terá Farmácia Básica a partir de quarta-feira
Saúde

Cerca de 10 mil adultos ainda não se vacinaram em Jaraguá

A Central de Vacinação da Prefeitura de Jaraguá do Sul funciona no Parque de Eventos, de segunda a sexta-feira das 8h às 19h, e aos sábados das 8h às 17h
Cerca de 10 mil adultos ainda não se vacinaram em Jaraguá
Economia

Jaraguá é destaque entre as Melhores Cidades para Fazer Negócios

Revista Exame aponta que avanço na vacinação contra a covid-19 trouxe reflexos na economia
Jaraguá é destaque entre as Melhores Cidades para Fazer Negócios
Ver mais de Jaraguá do Sul