Debate

VIII Seminário de Inclusão será no dia 29 de agosto em Corupá

20 Ago 2012 - 22h56

A Secretaria Municipal de Educação de Corupá em parceria com o Caeco (Centro de Atendimento Especial de Corupá) promovem o VIII Seminário de Inclusão, em comemoração à Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla, que acontece anualmente de 21 a 28 de agosto. O tema deste ano é "Em busca de igualdade. Estamos aqui! Queremos uma igualdade que reconheça as diferenças e uma diferença que não reproduza desigualdades."


O seminário será no dia 29 de agosto (quarta-feira), no auditório da Secretaria de Educação, das 8h às 12h e das 13h30min às 16h30min. No período matutino será exibido um filme sobre o tema inclusão, seguido de debate e no período vespertino acontece a socialização dos atendimentos realizados pelo Caeco, nas escolas da rede municipal de educação. Em Corupá, aproximadamente 33 alunos são atendidos pela educação inclusiva, sendo 18 da rede municipal e 15 da rede estadual. Estes alunos têm garantido por lei um "segundo professor", de acordo com a deficiência, para auxiliar na aprendizagem. A educação inclusiva está contemplada no artigo 4º da LDB, item III, "Garantir atendimento especializado gratuito aos educandos com necessidades especiais, preferencialmente na rede de ensino".

Muitos estados e municípios se organizam anualmente para fazer as adaptações físicas e  pedagógicas adequadas as necessidades dos alunos. Em Corupá, desde o ano 2005, a Secretaria de Educação em parceria com o Caeco, organizam o Seminário de Inclusão, objetivando multiplicar conceitos e valores, que contribuam na melhoria da aprendizagem dos alunos, com necessidades educativas especiais. A educação inclusiva é uma questão de direitos humanos e depende da definição de políticas públicas, traduzidas nas ações institucionalmente planejadas, implementadas e avaliadas.

Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla

Mobilização - Desde sua instituição, em 1964, a Semana é promovida anualmente e cria uma grande mobilização nacional em torno das pessoas com deficiência. Além disso, permite uma maior sensibilização e conscientização da população brasileira e dos governos em favor da busca pela garantia de direitos da pessoa com deficiência, e de sua inserção efetiva nos contextos social, cultural, educacional e político do cenário nacional.


No ano de 2012, a proposta é uma reflexão sobre o tema da igualdade social, muito difundido por movimentos de classes e minorias étnicas, mas também é pauta das questões que envolvem defesa de direitos das pessoas com deficiência intelectual e múltipla. "A pessoa com deficiência quebra a cultura da indiferença. Tenha a coragem de ser diferente". O atual paradigma orientador da luta por direitos preconiza uma sociedade para todos que garantia um desenvolvimento positivo dos sujeitos, então nesta perspectiva a deficiência seria eliminada, pois cada sujeito estaria atendido em suas necessidades e teria garantiria de seu crescimento.

Para isso é necessário acabar com as barreiras que estigmatizam as deficiências e não abrem espaços para o desenvolvimento de habilidades e competências, fortalecendo os movimentos sociais de defesa de direitos, o investimento na criação de locais especializados no atendimento e prestação de serviços para este público, levando-se em consideração a especificidade de cada deficiência e o investimento no monitoramento das políticas públicas nos estados e municípios.

Matérias Relacionadas

Geral

Militares brasileiros em Beirute estão bem, diz Marinha

Grande explosão na capital do Líbano deixou pelo menos dez mortos
Militares brasileiros em Beirute estão bem, diz Marinha
Guaramirim

Guaramirim confirma 12ª morte por coronavírus

O município já realizou 2993 testes, sendo 2190 descartados e 793 positivos para a doença
Guaramirim confirma 12ª morte por coronavírus
Jaraguá do Sul

Rua Uruguai interditada parcialmente a partir desta quarta-feira

A interdição ocorre devido a parada de caminhão para concretagem de laje e pilares em obras no Condomínio Residencial Carbon localizado naquela via
Geral

Samae esclarece sobre descarte de resíduos de pessoas contaminadas pelo coronavírus

A engenheira sanitarista e gerente de Resíduos Sólidos, Morgana Decker, explica que a principal recomendação para as pessoas que estão com covid-19 é descartar todos os resíduos no lixo comum, evitando a separação dos recicláveis pelo menos no período em
Samae esclarece sobre descarte de resíduos de pessoas contaminadas pelo coronavírus
Ver mais de Geral