El Niño

Vice de Barra Velha assume e fala em cortes

09 Jul 2011 - 12h30

O vice-prefeito de Barra Velha, Claudemir Mathias, do PSB, assumiu o cargo ontem, no lugar do afastado Samir Mattar, prometende redução de gastos e de pessoal. Nesta manhã, o vice-prefeito de Barra Velha, Claudemir Mathias, falou com exclusividade à Jaraguá AM.

[jwplayer mediaid="91425"]

Além dele, o vice-presidente da Câmara de Vereadores, Nivaldo Ramos, do DEM, também assumiu a presidência do Legislativo, com o afastamento do titular.

A OPERAÇÃO DA POLÍCIA FEDERAL E MPF

Na manhã desta quinta feira, 7 de julho, a PF de Joinville, com o auxílio do Ministério Público Federal, deflagrou a operação EL NIÑO, que tem por objetivo desmantelar um bando organizado instalado no âmbito do executivo do município de Barra Velha, litoral norte catarinense, capitaneado pelo prefeito municipal, atuando no desvio de recursos públicos de origem federal, fraudes à licitação pública, peculato, corrupção, falsidade documental, além de outros crimes conexos.


Serão cumpridos 10 mandados de busca e apreensão expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 4ª. Região, com sede em Porto Alegre-RS, após parecer fundamentado da Procuradoria Regional da República.

Os mandados incluem buscas nas residências dos alvos e na sede da Prefeitura de Barra Velha, inclusive no gabinete do prefeito, do presidente da Câmara Municipal e de secretários municipais.

Além dos mandados de busca, o Tribunal Regional Federal expediu medidas cautelares, determinando o afastamento imediato dos investigados, inclusive do prefeito e do vereador presidente da Câmara Municipal, de seus cargos públicos, os quais, a partir de então, estarão proibidos de praticar qualquer ato na administração pública de Barra Velha. A decisão judicial ainda determinou a proibição do contato direto dos investigados com qualquer servidor municipal a não ser por intermédio de procuradores.


Estão sendo afastados 6 pessoas da cúpula da administração municipal, dentre eles: o prefeito SAMIR MATTAR, o seu Secretário Jurídico e Secretário de Planejamento EURIDES DOS SANTOS, o presidente da FUNDEMA (Fundação Municipal do Meio Ambiente) e presidente da Defesa Civil, MARCELO DOUGLAS METELSKI, o ex-Secretário de Saúde, ALZERINO JOSÉ DE SOUZA, além do presidente da Câmara dos Vereadores, VALDIR TAVARES e um outro vereador licenciado, EURICO DOS SANTOS que já ocupou até recentemente o cargo de Secretário de Agricultura.

As investigações começaram em junho de 2010, e tiveram como ponto de partida uma enchente que assolou o município em novembro de 2008 e um vendaval ocorrido em setembro de 2009, a partir de quando se detectou que os investigados desviaram recursos federais destinados a cobrir os prejuízos decorrentes dessas catástrofes, cobraram propina de empresários para a contração com a administração pública, bem como assim, forjaram documentos, emitiram notas fiscais ideologicamente falsas junto a empresários do ramo da construção civil, para justificar a compra de materiais e a execução de serviços não realizados.

Outro modo de atuação comum do bando consiste na decretação de estado de emergência sem motivo justificante para viabilizar a contração de empresas sem licitação. Ou então, a confecção de projetos de obras e serviços superfaturados para embasar a solicitação de recursos junto ao Ministério da Integração Nacional e Ministério das Cidades.

O nome EL NIÑO atribuído à operação remete às intempéries climáticas que assolaram o municipal e foram ponto de partida das investigações.

Cerca de 60 policiais federais, da Superintendência Regional de Polícia Federal em Santa Catarina e das Delegacias de Polícia Federal em Itajaí e Joinville, estão envolvidos na operação.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

Obras da rotatória da Bertha Weege começam na segunda-feira

Obras da rotatória da Bertha Weege começam na segunda-feira
Política

Caropreso pede que governo priorize solução para infestação de maruim

Deputado repercutiu assuntos tratados com secretário de Agricultura no norte catarinense e necessidade de reforço nas barreiras fitossanitárias
Caropreso pede que governo priorize solução para infestação de maruim
Geral

Justiça suspende pagamento de tarifa de pós-utilização no rotativo

Os usuários que estacionarem na Zona Azul da cidade e não efetuarem o pagamento, continuarão a receber o Aviso de Cobrança de Tarifa, mas somente poderão efetuar a quitação no prazo de até 10 minutos a partir do horário de emissão do aviso
Justiça suspende pagamento de tarifa de pós-utilização no rotativo
Saúde

Havan ajuda na compra de dois respiradores

Um deles foi doado para o Samu de Joinville e o outro para Barra Velha. Ambos vão atender os pacientes do município quando precisam ser transportados com urgência para hospitais da região
Ver mais de Geral