Alerta

Veterinários alertam para surto de gripe canina em Jaraguá do Sul

01 Fev 2013 - 20h21

Uma doença típica de inverno está afetando cães em Jaraguá do Sul. A chamada gripe canina tem levado vários animais às clínicas, fora de época, o que deixa em alerta os veterinários. Um dos animais que contraíram a doença recentemente é Bolt, um cachorro mestiço de 20 meses estava muito debilitado e com mais de 40 graus de febre, além de tosse constante e vômitos, quando chegou ao veterinário. A esteticista Adriana Günther, 38 anos, conta que demorou duas semanas para levar o animal ao veterinário, pois achava que era uma irritação causada pela ração, ou que estava engasgado. Ela não tem ideia como o animal contraiu a doença.

[jwplayer mediaid="65406"]

O médico veterinário José Eduardo explica que essa é uma doença típica do inverno que está afetando diversos animais em Jaraguá do Sul, em pleno verão.

[jwplayer mediaid="65408"]

A gripe canina é uma doença altamente contagiosa entre os cães, mas raramente evolui para algo mais grave. No entanto, os cachorros doentes podem ter muito incômodo para comer ou dormir. Como ocorre na transmissão da gripe entre os humanos, qualquer cachorro que compartilhar um mesmo ambiente pode pegar gripe de outro. São raros os casos de transmissão da gripe de um animal para o ser humano. Mas pode ocorrer, se a pessoa estiver muito debilitada, vítimas de câncer ou de AIDS, por exemplo.


A melhor maneira de prevenir seu animal contra a gripe canina através da é vacina. O recomendável é aplicar a primeira dose aos quatro meses de idade. Nesse caso, são duas vacinas num intervalo de 30 dias. A partir daí, a imunização precisa ser feita uma vez por ano. Uma dose da vacina custa em média R$ 40.

 

 

Matérias Relacionadas

Educação

Jovens cientistas terão R$ 2,3 milhões para pesquisas

Selecionados terão acesso a treinamento
Jovens cientistas terão R$ 2,3 milhões para pesquisas
Brasil

10 mil crianças e adolescentes foram adotados no Brasil, diz CNJ

O relatório mostra que a maior parte dos adotantes ainda prefere crianças pequenas
10 mil crianças e adolescentes foram adotados no Brasil, diz CNJ
Schützenfest

Celesc reforça alerta para novos golpes registrados em diferentes regiões de Santa Catarina

lém de casos relatados na semana passada em cidades do Meio-Oeste catarinense, Vale do Itajaí e Grande Florianópolis, nesta semana novas tentativas foram detectadas nos municípios de São José e Guabiruba
Celesc reforça alerta para novos golpes registrados em diferentes regiões de Santa Catarina
Geral

Epagri inclui ora-pro-nóbis em cestas básicas oferecidas a famílias em situação de fome

Epagri inclui ora-pro-nóbis em cestas básicas oferecidas a famílias em situação de fome
Ver mais de Geral