Crime

Um dos responsáveis por morte de jovem está preso

12 Mai 2011 - 12h02
Um dos responsáveis por morte de jovem está preso -
Um dos responsáveis por morte de jovem está preso

Alex Maia de Oliveira está preso (foto: Divulgação Polícia Civil/SC)

A Justiça de Jaraguá do Sul liberou no fim da tarde de quarta-feira o adolescente apontado como dono das facas usadas na briga que começou dentro de boate e provocou a morte do operário Rafael Sant'Ana, 18 anos, fosse liberado.

- O juiz entendeu que entre todos os envolvidos, a participação dele não foi tão ofensiva o não justificaria uma internação provisória - disse o delegado David de Souza.

O adolescente vai responder em liberdade, mas não pode se ausentar da cidade onde mora, Guaramirim, até a conclusão do inquérito.

Já o adolescente de 17 anos que aparece primeiro nas imagens das câmeras de segurança com as duas facas foi encaminhado para o Centro de Internação Provisória (CIP) de Caçador, no Meio-oeste de SC, na manhã de ontem.

Outros dois adolescentes de 17 anos e Alex Maia, 18 anos, continuam detidos na delegacia. Um deles deve ser enviado ainda esta semana para o CIP de Joinville ou Florianópolis.

Ex-namorada é ouvida

A Polícia também ouviu ontem a ex-namorada de um dos agressores de Rafael, apontada como pivô da briga que levou à morte do jovem. O delegado adiantou que o teor do depoimento da garota só será divulgado hoje.

O último suspeito preso na terça-feira à noite também foi liberado. O jovem de 18 anos confessou ter participado da agressão.

- Ele disse que não conhecia o grupo de adolescentes que estava com as facas. Contou que foi expulso pelos seguranças da boate. Como estava indignado, ao ver a briga, foi lá para participar e chutou a vítima. Mas, nem sabia do que se tratava -, explica o delegado.

(CLICRBS)

NOTÍCIAS ANTERIORES SOBRE O CASO

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Jaraguá do Sul, prendeu, nesta terça-feira (10), Alex Maia de Oliveira, de 18 anos, e apreendeu um dos adolescentes, ambos envolvidos no homicídio de Rafael Sant'ana, de 18 anos, no último sábado (7), em Jaraguá do Sul, município no Norte de Santa Catarina. Oliveira foi encaminhado ao Presídio Regional de Jaraguá do Sul e o adolescente ao Centro de Internação Provisória (CIP) de Caçador.


Dos quatro envolvidos no crime, dois eram adolescentes, inclusive o que desferiu os três golpes de faca que levaram à morte da vítima e que foi apreendido em flagrante (7). O outro adolescente está da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso, aguardando vaga no CIP.

Além de Oliveira, havia outro adulto envolvido, conforme imagens gravadas pelo sistema de segurança da boate e apreendida pela Polícia Civil. Ele foi identificado e ouvido pelo Delegado responsável pelo caso, David Queiroz de Souza. Após o depoimento ao Delegado, ele foi liberado, visto que alegou ter entrado na briga sem conhecer quem eram as pessoas, sem saber das facas e de não ter causado as lesões que levaram à morte de Sant'ana.

Como ainda não saiu o laudo cadavérico, que inclusive avaliará as lesões, ainda não há indícios contra essa quarta pessoa, entretanto, o Delegado não descarta de, posteriormente, com o aparecimento de novas provas, ele seja indiciado por homicídio ou lesão corporal.

Relembre o crime
No último sábado (7), três adolescentes e Alex Maia de Oliveira, de 18 anos, saíram da cidade de Guaramirim para uma boate Chopp Club, às margens da BR 280, no bairro Água Verde, em Jaraguá do Sul. Dois deles levaram, cada um, uma faca de caça, mas deixaram escondida, fora da boate.


Durante a festa, dois dos adolescentes se envolveram numa briga com Rafael Sant'ana porque ele estaria flertando com a namorada de um deles. Oliveira se envolveu na briga.

Os seguranças da boate apartaram a briga e expulsaram do local os dois adolescentes e a vítima. Oliveira saiu espontaneamente do local. O terceiro adolescente continuou na boate, não se envolvendo com o homicídio.

Logo que expulso, um deles se deslocou para uma rua lateral da casa noturna e apossou-se das facas que o grupo tinha trazido e escondido no meio fio da calçada. Depois retornou à porta da casa noturna e reiniciou as agressões a vítima, só que desta vez com o emprego da faca.

O outro adolescente que havia sido expulso e Oliveira entraram na briga, desferindo socos e pontapés contra Sant'ana. As agressões cessaram com a chegada dos seguranças da casa noturna. Oliveira e dois adolescentes fugiram do local e encontraram-se nas proximidades. Segundo o que foi apurado, o adolescente que havia buscado a faca e desferido os golpes mostrou a faca suja de sangue para os outros e confessou ter desferido três facadas na vítima.

Veja o vídeo do assassinato:








Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Política

Legislativo jaraguaense completa 85 anos nesta quarta

Hoje o Legislativo está em sua 20ª legislatura e 169 pessoas já tiveram a incumbência de exercer a vereança no município. Dez delas, mulheres.
Legislativo jaraguaense completa 85 anos nesta quarta
Geral

Dose solidária: prefeituras se unem em campanha de arrecadação de alimentos

Doações podem ser feitas nos pontos de vacinação contra a Covid-19
Dose solidária: prefeituras se unem em campanha de arrecadação de alimentos
Geral

STJ decide que condomínio pode proibir locação por meio de aplicativo

Decisão vale somente para o caso concreto
STJ decide que condomínio pode proibir locação por meio de aplicativo
Geral

Decreto prorroga auxílio emergencial aos trabalhadores da cultura

Nova norma afasta incertezas sobre benefício da Lei Aldir Blanc
Ver mais de Geral