Geral

Suspensão de licitações pelo Ministério dos Transportes paralisa obras em cinco BRs do RS

06 Jul 2011 - 11h51

Enfraquecido e acuado pela descoberta de um suposto esquema de corrupção na antessala de seu gabinete, o ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, mandou suspender na terça-feira, por 30 dias, todas as licitações de projetos, obras e serviços sob sua responsabilidade.

A decisão, considerada preventiva pelo ministério, engessa pelo menos sete contratos no Rio Grande do Sul, que somam R$ 68 milhões.

O projeto da nova ponte do Guaíba, que ainda não foi contratado, está fora da lista. Contudo, o edital de licitação, previsto para ser lançado até o final do mês, deverá ser adiado. Entre os procedimentos que entram em compasso de espera no Rio Grande do Sul estão trechos de cinco BRs: 480, 116, 386, 158 e 392.

Na duplicação da BR-392 (Pelotas-Rio Grande), por exemplo, obra orçada em R$ 430 milhões, o Departamento Nacional de Infraestrutura Terrestre (Dnit) estuda reduzir parte das 23 pontes, viadutos e passagens de nível previstos.

Nas obras em fase de conclusão, como a duplicação do trecho gaúcho da BR-101, o Dnit promete finalizar os trabalhos como planejado.

Já a licitação para duplicar a BR-116 entre Guaíba e Pelotas, questionada pelo Tribunal de Contas da União (TCU), corre o risco de ser anulada. Em junho, a Corte havia liberado o Dnit a dar continuidade à concorrência, mas exigiu ajustes nos preços e serviços.

Em audiência com dirigentes do órgão há 12 dias, Dilma cobrou dos subordinados explicações para a obra estar orçada em cerca de R$ 1 bilhão. Na ocasião, a presidente mandou o Dnit detalhar os custos.

Fonte: ZERO HORA

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Política

Legislativo jaraguaense completa 85 anos nesta quarta

Hoje o Legislativo está em sua 20ª legislatura e 169 pessoas já tiveram a incumbência de exercer a vereança no município. Dez delas, mulheres.
Legislativo jaraguaense completa 85 anos nesta quarta
Geral

Dose solidária: prefeituras se unem em campanha de arrecadação de alimentos

Doações podem ser feitas nos pontos de vacinação contra a Covid-19
Dose solidária: prefeituras se unem em campanha de arrecadação de alimentos
Geral

STJ decide que condomínio pode proibir locação por meio de aplicativo

Decisão vale somente para o caso concreto
STJ decide que condomínio pode proibir locação por meio de aplicativo
Geral

Decreto prorroga auxílio emergencial aos trabalhadores da cultura

Nova norma afasta incertezas sobre benefício da Lei Aldir Blanc
Ver mais de Geral