Geral

Serra defende prévias no PSDB e anuncia que entrará na disputa

27 Fev 2012 - 14h58

O ex-governador José Serra anunciou nesta segunda-feira (27), pelo Twitter, que disputará as prévias do PSDB que definirá o candidato tucano à Prefeitura de São Paulo.


"Sempre fui favorável às prévias para a escolha do candidato a prefeito do PSDB. E delas pretendo agora participar. Hoje comunicarei por escrito à direção do PSDB de São Paulo minha disposição de disputar a prefeitura de SP", diz ele no microblog.

O secretário estadual de Meio Ambiente, Bruno Covas, anunciou hoje que deixará a disputa.

Em entrevista à Folha, ele afirmou que desistiu de disputar as prévias do PSDB em favor de um "projeto partidário" e que a candidatura de Serra é a "resposta do partido à tentativa do PT de nacionalizar a eleição para prefeito de São Paulo".

Covas, que entrou na disputa com o incentivo do governador Geraldo Alckmin e chegou a transferir o título de eleitor de Santos para a capital para se inscrever nas prévias, disse que hoje o candidato do governador é Serra.

"Qualquer um que tem o Alckmin como líder não pode desconsiderar isso: o Serra surge como candidato do governador", afirmou.

Ontem, o secretário estadual de Cultura, Andrea Matarazzo, também comunicou oficialmente sua desistência de disputar as prévias. Ele disse que está deixando o páreo em nome da candidatura de Serra, e que tomou a decisão na quinta-feira, quando o colega manifestou o interesse de se candidatar.

"Vocês nunca verão eu disputar uma eleição com o Serra, somos do mesmo grupo político, somos amigos há muito tempo. Não faria sentido", explicou.


Segundo Matarazzo, Serra decidiu entrar na eleição quando viu que "a ameaça da volta do PT podia ser realidade". "Ele [Serra] viu e viveu a tragédia que foi o governo do PT em São Paulo", disse. "O PT é o adversário e é ele que devemos enfrentar."

Para o secretário de Cultura, a permanência de Serra na Prefeitura de São Paulo, se eleito, é praticamente certa, rejeitando assim a possibilidade dele concorrer a outro cargo em 2014, nos mesmos moldes de sua primeira passagem como prefeito, entre 2005 e 2006.

"Tenho certeza que ele [Serra] voltará e que ficará provavelmente quatro anos ou, quem sabe, oito anos na Prefeitura", disse.

FOLHA.COM.BR

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

Obras da rotatória da Bertha Weege começam na segunda-feira

Obras da rotatória da Bertha Weege começam na segunda-feira
Política

Caropreso pede que governo priorize solução para infestação de maruim

Deputado repercutiu assuntos tratados com secretário de Agricultura no norte catarinense e necessidade de reforço nas barreiras fitossanitárias
Caropreso pede que governo priorize solução para infestação de maruim
Geral

Justiça suspende pagamento de tarifa de pós-utilização no rotativo

Os usuários que estacionarem na Zona Azul da cidade e não efetuarem o pagamento, continuarão a receber o Aviso de Cobrança de Tarifa, mas somente poderão efetuar a quitação no prazo de até 10 minutos a partir do horário de emissão do aviso
Justiça suspende pagamento de tarifa de pós-utilização no rotativo
Saúde

Havan ajuda na compra de dois respiradores

Um deles foi doado para o Samu de Joinville e o outro para Barra Velha. Ambos vão atender os pacientes do município quando precisam ser transportados com urgência para hospitais da região
Ver mais de Geral