Geral

Secretaria da Agricultura se manifesta sobre greve dos servidores federais

09 Ago 2012 - 21h39

A Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca espera que as negociações entre os servidores federais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) resultem na solução do impasse e que a greve termine o mais rápido possível para minimizar os prejuízos dos produtores, agroindústrias e população catarinense.


O secretário de Estado da Agricultura e da Pesca, João Rodrigues, afirma que o Governo do Estado está preparado para colaborar com o Governo Federal e manter o funcionamento de atividades essenciais, não interrompendo o fluxo produtivo e o abastecimento do mercado.

Na segunda-feira (13), às 17h, o secretário estará reunido com representantes da Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc) e Sindicato da Indústria de Carnes e Derivados (Sindicarne) para avaliar e acompanhar a situação da greve.


Os fiscais federais agropecuários do Mapa entraram em greve na segunda-feira (6), e já na quarta-feira (8) o Ministério publicou a Portaria nº 722, que delega temporariamente aos Estados, Distrito Federal e municípios a execução compartilhada das ações de defesa, vigilância, inspeção e fiscalização agropecuária.

Matérias Relacionadas

Geral

Militares brasileiros em Beirute estão bem, diz Marinha

Grande explosão na capital do Líbano deixou pelo menos dez mortos
Militares brasileiros em Beirute estão bem, diz Marinha
Guaramirim

Guaramirim confirma 12ª morte por coronavírus

O município já realizou 2993 testes, sendo 2190 descartados e 793 positivos para a doença
Guaramirim confirma 12ª morte por coronavírus
Jaraguá do Sul

Rua Uruguai interditada parcialmente a partir desta quarta-feira

A interdição ocorre devido a parada de caminhão para concretagem de laje e pilares em obras no Condomínio Residencial Carbon localizado naquela via
Geral

Samae esclarece sobre descarte de resíduos de pessoas contaminadas pelo coronavírus

A engenheira sanitarista e gerente de Resíduos Sólidos, Morgana Decker, explica que a principal recomendação para as pessoas que estão com covid-19 é descartar todos os resíduos no lixo comum, evitando a separação dos recicláveis pelo menos no período em
Samae esclarece sobre descarte de resíduos de pessoas contaminadas pelo coronavírus
Ver mais de Geral