Economia

Prévia do PIB indica recuo de 4,55% da economia em 2016

16 Fev 2017 - 13h04
Prévia do PIB indica recuo de 4,55% da economia em 2016 -
A economia brasileira encolheu 4,55% no ano passado, de acordo com o IBC-Br (Índice de Atividade Econômica do Banco Central) divulgado nesta quinta-feira (16), um indicador do Banco Central que mede o comportamento prévio do PIB.

O forte recuo registrado em 2016 representa o segundo ano consecutivo de diminuição da atividade econômica, evidenciando o desafio para a retomada após o mergulho da atividade. Em 2015, a economia brasileira encolheu 3,8%.

Somente no quarto trimestre do ano o IBC-Br encerrou com queda de 0,36% sobre os três meses anteriores, sempre em dados dessazonalizados. Em dezembro, o índice caiu 0,26% ante novembro.

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgará os dados do PIB de 2016 em 7 de março.

Por ora, a expectativa de economistas na pesquisa Focus mais recente, realizada pelo BC junto a uma centena de economistas, é de um tombo de 3,5%, após retração de 3,8% em 2015 e de 0,8% no terceiro trimestre, segundo números do IBGE.

Os dados corroboram a leitura da pior recessão atravessada pelo país em dois anos desde que os registros oficiais começaram, em 1901.

Para este ano, a projeção do mercado é de uma expansão de 0,48% do PIB, bem abaixo da estimativa do governo de 1%.

Em 2016, o varejo do Brasil teve queda de 6,2%, pior dado histórico, com a demanda fraca impactando de forma generalizada as vendas, com destaque para supermercados.

O setor de serviços foi na mesma linha, com contração recorde de 5% em meio às fortes perdas na atividade de transportes.

Por sua vez, indústria brasileira teve uma diminuição de 6,6% na produção, terceiro ano seguido de perdas.

O IBC-Br incorpora projeções para a produção no setor de serviços, indústria e agropecuária, bem como o impacto dos impostos sobre os produtos.

 

R7

Matérias Relacionadas

Saúde

Hemosc precisa de doações de sangue

Em Jaraguá do Sul, a unidade de coleta, que atende mediante agendamento prévio, está com horários vagos.
Hemosc precisa de doações de sangue
Esportes

CBF anuncia novo calendário do futebol brasileiro

Início das Copas Libertadores e Sul-Americana segue indefinido
CBF anuncia novo calendário do futebol brasileiro
Jaraguá do Sul

Decreto traz novas regras no combate ao coronavírus em Jaraguá

Bares e restaurantes terão horário limitado de funcionamento até as 22h a partir de amanhã. Supermercados devem limitar capacidade em 50%, entre outras medidas. Fiscalização será intensificada
Decreto traz novas regras no combate ao coronavírus em Jaraguá
Política

CPI toma depoimento de empresário do ramo de importação e de auditor

CPI toma depoimento de empresário do ramo de importação e de auditor
Ver mais de Geral