Mês do Trânsito - Rádio
Geral

Petrobras afirma que não encontrou óleo próximo a plataforma

18 Mai 2012 - 13h31

A Petrobras informou na noite de quinta-feira (17) que não encontrou mancha de óleo nas proximidades da plataforma P-57 e que todas suas unidades no litoral do Espírito Santo "operam dentro da normalidade".


O comunicado foi feito logo após a ANP (Agência Nacional do Petróleo), órgão regulador do setor, informar que não havia registrado nenhuma mancha, depois de um voo que realizou na região em conjunto com a Marinha Brasileira.

"A Petrobras, a partir de notícia de suposta mancha de óleo nas proximidades da plataforma P-57, procedeu esta tarde [ontem] a verificação in loco e confirma a normalidade de suas operações na região", informou a empresa.

Segundo a estatal, "todos os sistemas de controle das unidades marítimas de produção e de perfuração a serviço da companhia no litoral do Espírito Santo" funcionam sem problemas.

Por solicitação da Capitania dos Portos do Espírito Santo, a Petrobras realizou sobrevoo no final da manhã de quinta e "não foi constatada mancha de óleo na região", disse a empresa.

A presença de óleo em alto-mar teria sido identificada pela própria Marinha, que informou mais cedo que "uma equipe de inspeção naval da Capitania dos Portos do Espírito Santo foi deslocada para área para verificar a extensão da mancha", nas proximidades da plataforma P-57, no campo de Jubarte.

O Ibama, órgão federal de proteção ao meio-ambiente, disse mais cedo ontem que foi informado pela Petrobras na quarta-feira sobre um possível derramamento.

Petroleiros voltando do trabalho relataram uma mancha de aproximadamente um quilômetro no oceano perto da plataforma P-57, operada pela Petrobras, segundo informou na quarta-feira a Folha.com.


Procuradas, nem Petrobras nem ANP estavam disponíveis para esclarecer a hipótese de que a mancha tenha existido e que pudesse ter sido dispersa por algum procedimento.

A P-57, convertida em plataforma a partir de um navio-tanque, opera no campo de Jubarte a cerca de 85 quilômetros da costa.

Jubarte é o quarto maior campo produtor no país. Quando soma-se o gás natural, Jubarte produz o equivalente a 198 mil barris de petróleo por dia.

As ações preferenciais da Petrobras, as mais negociadas da companhia, caíram 4,46% na quinta-feira, a R$ 18,43, cotação mais baixa desde outubro. No mesmo dia, o Ibovespa fechou com queda de 3,31%.

FOLHA.COM.BR

Matérias Relacionadas

Geral

Pagamento em dinheiro volta a ser aceito no transporte coletivo em Jaraguá

Desde a retomada do transporte público, o pagamento da passagem só era permitido com cartão TEM
Pagamento em dinheiro volta a ser aceito no transporte coletivo em Jaraguá
Solidariedade

Irmãos com 'olhos de vidro' precisam de ajuda para trocar as próteses

Jovens sofrem de uma doença chamada retinoblastoma, que é um tumor no globo ocular que comprometeu a visão
Irmãos com 'olhos de vidro' precisam de ajuda para trocar as próteses
Jaraguá do Sul

Voluntários do Hospital Jaraguá promovem bazar na antiga casa do Breithaupt

Conforme a coordenadora Izaura Herpich, há roupas para todas as idades, utensílios domésticos e acessórios, com preços a partir de R$ 1,00
Voluntários do Hospital Jaraguá promovem bazar na antiga casa do Breithaupt
Santa Catarina

Leilão de bens móveis que inclui aeronave do Estado tem fechamento de lotes nesta quarta-feira

A lista de itens disponíveis também inclui carros, impressoras, móveis e outros bens de consumo
Leilão de bens móveis que inclui aeronave do Estado tem fechamento de lotes nesta quarta-feira
Ver mais de Geral