Geral

Olho biônico imita retina e pode devolver visão a milhões de cegos

A prótese visual foi desenvolvida por engenheiros de Hong Kong e EUA

07 Jun 2020 - 08h00Por Da Redação
Olho biônico imita retina e pode devolver visão a milhões de cegos - Crédito: Reprodução / Daily Mail Crédito: Reprodução / Daily Mail

Um artigo da revista Nature mostra testes de um olho biônico, desenvolvido por uma equipe de engenheiros de robótica, que poderia restaurar a visão de 285 milhões de pessoas cegas no mundo.

O EC-EYE – abreviação de ElectroChemical EYE – é inspirado na retina humana, que é um dos tecidos mais sensíveis que possuímos.

A prótese visual foi desenvolvida por engenheiros de Hong Kong e EUA. Ela oferece esperança às centenas de milhões de pessoas em todo o mundo que perderam a capacidade de ver devido a degeneração macular, relacionada à idade e acidentes com armas de fogo.

“Ele tem o potencial de elevar nossa capacidade visual a um nível muito mais alto”, disse o autor e engenheiro Zhiyong Fan, da Universidade de Ciência e Tecnologia de Hong Kong.

Retina Humana

O olho biônico imita a forma abaulada da retina humana, que aprimora o foco e reduz a propagação da luz à medida que passa por dez milhões de células fotorreceptoras por centímetro quadrado.

Até agora, essas características naturais eram impossíveis de replicar com materiais artificiais. 

Zhiyong Fan e seus colegas desenvolveram uma série de fotorreceptores de alta densidade colocados dentro dos poros do óxido de alumínio, um mineral quase tão duro quanto os diamantes. Eles funcionariam para imitar a retina.

Imitando a biologia, fios elétricos nervosos formados a partir de metal líquido são selados dentro de tubos de borracha, que correm para o circuito externo para processar a imagem.

O globo ocular é feito de silício, no qual a tecnologia da retina é colocada. O espaço intermediário é ocupado pelo líquido iônico que simula o gel biológico que forma um amortecedor entre a lente e a retina atrás dela.

Super olho

O professor Fan e seus colegas prevêem que a tecnologia se tornará prática para ser fabricada e implantada dentro de cinco anos.

O EC-EYE poderia superar a capacidade do olho humano normal, aumentando a densidade dos sensores de detecção de luz.

“Esperamos melhorar ainda mais nosso dispositivo em termos de biocompatibilidade, estabilidade e desempenho”, disse o professor Fan.

Fonte: SóNotíciaBoa


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região?CLIQUE AQUIe receba diretono seu WhatsApp! 

Matérias Relacionadas

Geral

Jaraguá vai ganhar duas filiais da 4º maior Rede do varejo farmacêutico do Brasil

As lojas começam o atendimento ao público, com ofertas especiais de inauguração, na próxima sexta-feira (30), às 9h
Jaraguá vai ganhar duas filiais da 4º maior Rede do varejo farmacêutico do Brasil
Geral

Católica SC terá nova edição do Plantão de Matrículas neste sábado, 31 de julho

Haverá atendimento on-line e presencial, nas unidades do Rau, em Jaraguá do Sul, e em Joinville.
Católica SC terá nova edição do Plantão de Matrículas neste sábado, 31 de julho
Geral

Moradora de Jaraguá trans consegue registro do nome social

Ela é usuária dos serviços prestados pelo Cras do bairro Ribeirão Cavalo e todo o processo para a mudança do nome foi acompanhado pela equipe do local
Moradora de Jaraguá trans consegue registro do nome social
Geral

Serra do Rio do Rastro abre nesta sexta, sábado e domingo

Autoridades recomendam atenção ao trafegar nas pistas.
Serra do Rio do Rastro abre nesta sexta, sábado e domingo
Ver mais de Geral