Geral

Obrigatoriedade do ponto eletrônico desagrada empresários em SC

10 Abr 2012 - 19h22

Após ter seu inicio adiado cinco vezes o sistema de registro do ponto eletrônico finalmente entrou em vigor. De imediato o setor financeiro de transportes, construção, comunicações, energia, saúde, educação e alguns setores da indústria, comércio e serviços já devem estar de acordo com as novas regras do ponto eletrônico. Em junho a obrigatoriedade passa a valer para as empresas que exploram atividade agroeconômica. Em setembro atingem as micro empresas e empresas de pequeno porte. Em Santa Catarina a Fecomércio e outras entidades sindicais tem se posicionado contrárias a esse novo sistema de ponto eletrônico. O gerente da Federação de Comércio de Bens, Serviços e Turismo, Rafael Arruda, reclama que muitos empresários que já investiram em sistema eletrônico de ponto, agora terão que comprar equipamentos indicados pelo Ministério do Trabalho ou então retroceder e voltar ao livro ponto.

[jwplayer mediaid="77702"]

O superintendente do Ministério do Trabalho e Emprego de Santa Catarina, Rodrigo Minotto, que a entrada em vigor do sistema de registro eletrônico de ponto vem sido adiada desde 2009, justamente para que o assunto fosse discutido com os empresários. Rodrigo Minotto considera que para o Ministério, esse assunto está encerrado.

[jwplayer mediaid="77704"]

As máquinas de registro de ponto certificadas pelo Ministério do Trabalho custam entre R$ 1.500 e R$ 3 mil reais. Toda empresa que tiver mais de dez funcionários tem que controlar o horário de entrada e saída dos trabalhadores. Nos três primeiros meses de vigência da nova regra as fiscalizações serão de caráter explicativo.

 

 

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

Concluídas pavimentações em mais duas ruas de Jaraguá

Mais de 30 obras estão em andamento neste momento no município, com investimento de mais de R$ 30 milhões.
Concluídas pavimentações em mais duas ruas de Jaraguá
Economia

Emissão de alvarás de construção em Jaraguá cresce quase 70% em 2021

Nos três primeiros meses deste ano, a Prefeitura emitiu 366 alvarás de construção. Contra 218 no mesmo período do ano passado
Emissão de alvarás de construção em Jaraguá cresce quase 70% em 2021
Geral

Prefeitura firma parceria para repasse de recursos para a Apae de Guaramirim

Valor repassado será de R$ 730 mil 
Prefeitura firma parceria para repasse de recursos para a Apae de Guaramirim
Geral

Cinco hábitos essenciais para manter o seu imóvel seguro

Aprenda dicas importantes para manter sua casa sempre segura. Proteja o seu imóvel em Jaraguá do Sul
Cinco hábitos essenciais para manter o seu imóvel seguro
Ver mais de Geral