Imobiliária Coralli
CNJ

Mulheres representam 37,3% dos magistrados em atividade em todo o país

09 Mar 2017 - 19h05
O número foi extraído do Módulo de Produtividade Mensal, sistema mantido pelo CNJ e alimentado regularmente por todos os tribunais. O Rio de Janeiro é o estado com maior participação de mulheres na magistratura: 48,6% do total de juízes e desembargadores em atuação. O levantamento inclui magistrados de todos os segmentos de Justiça (tribunais superiores, estaduais, federais, do Trabalho, eleitorais e militares).

Sete estados têm um percentual maior de mulheres na magistratura do que a média nacional: Acre (38,8%), Amazonas (39,4%), Bahia (44,8%), Pará (41,9%), Paraná (39,6%), Rio Grande do Norte (41,2%) e São Paulo (37,7%). Já o Amapá é o estado com a menor participação de mulheres no total de magistrados: 9,8%.

No Supremo Tribunal Federal (STF), as mulheres são representadas por sua presidente, a ministra Cármen Lúcia, e pela ministra Rosa Weber. No Superior Tribunal de Justiça (STJ), dos 33 ministros que compõem o Plenário, seis são mulheres, o mesmo número no Tribunal Superior do Trabalho (TST). No Tribunal Superior Eleitoral (TSE), há duas mulheres entre os sete ministros que compõem o colegiado. A escolha para Presidência dos tribunais brasileiros é feita por meio de eleição entre os componentes do Pleno do órgão e a prática é respeitar o critério de antiguidade na escolha.

Com informações do CNJ, reportagem de Storni Jr.

Matérias Relacionadas

Santa Catarina

Governadora interina, Daniela Reinehr conclama união da sociedade catarinense

O objetivo, segundo Reinehr, é criar um clima de harmonia para ajudar Santa Catarina a superar o período de instabilidade política
Governadora interina, Daniela Reinehr conclama união da sociedade catarinense
Economia

Confiança da construção cresce 3,7 pontos em outubro, diz FGV

Índice atingiu 95,2 pontos, em uma escala de zero a 200 pontos
Confiança da construção cresce 3,7 pontos em outubro, diz FGV
Geral

CNJ quer estimular leitura e esporte para ressocializar presos

Proposta contempla redução da pena de presos já condenados
CNJ quer estimular leitura e esporte para ressocializar presos
Geral

Denúncias de cartão de crédito consignado sem solicitação aumentam no Procon

Aposentados e pensionistas podem registrar reclamação por meio de agendamento no 3275-3237
Ver mais de Geral