Imobiliária Coralli
Geral

Mudança na poupança pode se limitar a novas aplicações

03 Mai 2012 - 14h55

O governo deve anunciar hoje mudanças na regra de correção das cadernetas de poupança para facilitar a queda dos juros, e o novo modelo poderá valer apenas para novos depósitos nas cadernetas, evitando assim a crítica de que haverá quebra de contratos já estabelecidos.

Entre as ideias apresentadas, está a que prevê que a remuneração da poupança será equivalente a um percentual da Selic, a taxa básica de juros da economia. Esse percentual poderia ser único ou escalonado, dependendo do nível da Selic. Outra possibilidade, que neste caso valeria para aplicações velhas e novas, é a cobrança de Imposto de Renda. Hoje, o ganho das cadernetas é isento. Em 2009, o governo tentou taxar a aplicação, mas recuou diante da repercussão negativa da medida.

Também foi proposta a correção com base num índice de preços. A decisão final ficou para a presidente. Determinada a criar uma marca para sua gestão, Dilma definiu que entrará em campanha para atingir o que chama de "juros de primeiro mundo" --ou seja, na casa dos 2% reais (descontada a inflação). Para tanto, a politicamente difícil mudança na poupança é necessária.

BOL.COM.BR

Matérias Relacionadas

Segurança

Foragido da Justiça por homicídio em Jaraguá é preso no Paraná

O crime aconteceu em 2006, no bairro Tifa Martins
Foragido da Justiça por homicídio em Jaraguá é preso no Paraná
Geral

IBGE: taxa de desocupação fica em 13,8% no trimestre de maio a julho

É a maior taxa da série histórica iniciada em 2012
IBGE: taxa de desocupação fica em 13,8% no trimestre de maio a julho
Segurança

Dona de pitbull é responsabilizada pelo cão estar solto em via pública

Enquanto os policiais confeccionavam um boletim de ocorrência, o animal chegou a avançar na viatura, causando arranhões na lataria
Dona de pitbull é responsabilizada pelo cão estar solto em via pública
Santa Catarina

Previsão do tempo: Termômetros podem marcar até 40°C em SC nesta semana

As informações são da Epagri/Ciram, que recomenda o acompanhamento diário da previsão do tempo nos próximos dias
Previsão do tempo: Termômetros podem marcar até 40°C em SC nesta semana
Ver mais de Geral