Geral

Modernização de Normas Regulamentadoras traz avanços positivos para a indústria brasileira, avalia especialista em saúde e segurança no trabalho

Estas medidas buscam assegurar melhores condições de segurança do trabalhador e regras mais claras e racionais

16 Out 2019 - 06h00Por Janici Demetrio
Modernização de Normas Regulamentadoras traz avanços positivos para a indústria brasileira, avalia especialista em saúde e segurança no trabalho -

Ação recente do governo federal, desde julho deste ano ocorre um amplo processo de atualização de regras que regulam o universo trabalhista no País, com o objetivo de modernizar normas e a consolidação e simplificação de decretos trabalhistas. 

Estas medidas buscam assegurar melhores condições de segurança do trabalhador e regras mais claras e racionais, capazes de estimular a economia e gerar mais empregos, tornando a indústria brasileira mais competitiva.  

O assunto ganhou destaque no Encontro Empresarial da ACIJS nesta segunda-feira, com a presença da engenheira Migliane Réus de Mello, que atua na gerência de Saúde e Segurança na Indústria do SESI/FIESC avaliando os impactos das mudanças nas Normas Regulamentadoras para o setor produtivo. 

Ela aponta que estas medidas representam um avanço importante para a indústria porque flexibilizam o entendimento e aplicação das normas, com reflexos tanto na gestão de processos quanto na qualidade de saúde e segurança do trabalhador. Lembra que o País conta com 36 NRs que surgiram a partir de 1978 quando o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) definiu critérios de padronização e fiscalização, fornecendo orientações sobre procedimentos obrigatórios relacionados à segurança e à medicina do trabalho. 

Migliane Réus de Mello aponta que o monitoramento de vários pontos das normas traz resultados que podem ser financeiros, na gestão de processos, mas de engajamento por melhor produtividade, com regulações que são necessárias, mas que não travem de alguma maneira as atividades da indústria. 

O presidente da ACIJS e do Centro Empresarial, Anselmo Luiz Jorge Ramos, e o coordenador do Núcleo de Saúde e Segurança da entidade, Arduíno Martins, ressaltaram a importância de discutir o tema, impondo novas responsabilidades também aos profissionais da área. A ACIJS, explica Anselmo, pretende acompanhar e dar respaldo ao assunto junto aos fóruns de discussão, trazendo aos associados as deliberações tomadas pelo governo.  

Conforme Migliane, este acompanhamento de forma a se antecipar no planejamento é fundamental, existem as comissões que envolvem segmentos organizados, mas qualquer cidadão pode contribuir por meio da plataforma www.participa.br.  


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp! 

Matérias Relacionadas

Geral

Meteorologista explica massa de ar polar que atingirá SC

A sexta-feira deverá ter as menores temperaturas desse ar polar. A previsão para o amanhecer desse dia é algo entre -8 e -10°C na Serra. Algo próximo dos 0°C no Litoral. 
Meteorologista explica massa de ar polar que atingirá SC
Geral

Começa a visitação aos veículos do leilão em Jaraguá

O leilão será online e os interessados poderão visitar o pátio de veículos para avaliar os lotes
Começa a visitação aos veículos do leilão em Jaraguá
Política

Prefeitos de Schroeder e de Guaramirim acertam detalhes sobre a obra da rua Rio de Janeiro

Obra será custeada por meio de emenda parlamentar do deputado federal Carlos Chiodini destinada a Guaramirim.
Prefeitos de Schroeder e de Guaramirim acertam detalhes sobre a obra da rua Rio de Janeiro
Geral

Com previsão de frio intenso, Prefeitura de Jaraguá monta Plano de Atendimento

As ações iniciam nesta terça-feira (27), com orientações e sensibilização às pessoas em situação de rua, com as equipes da Assistência Social, Saúde, Defesa Civil, Bombeiros Voluntários e Polícia Militar.
Com previsão de frio intenso, Prefeitura de Jaraguá monta Plano de Atendimento
Ver mais de Geral