dengue
Geral

Modernização de Normas Regulamentadoras traz avanços positivos para a indústria brasileira, avalia especialista em saúde e segurança no trabalho

Estas medidas buscam assegurar melhores condições de segurança do trabalhador e regras mais claras e racionais

16 Out 2019 - 06h00Por Janici Demetrio

Ação recente do governo federal, desde julho deste ano ocorre um amplo processo de atualização de regras que regulam o universo trabalhista no País, com o objetivo de modernizar normas e a consolidação e simplificação de decretos trabalhistas. 

Estas medidas buscam assegurar melhores condições de segurança do trabalhador e regras mais claras e racionais, capazes de estimular a economia e gerar mais empregos, tornando a indústria brasileira mais competitiva.  

O assunto ganhou destaque no Encontro Empresarial da ACIJS nesta segunda-feira, com a presença da engenheira Migliane Réus de Mello, que atua na gerência de Saúde e Segurança na Indústria do SESI/FIESC avaliando os impactos das mudanças nas Normas Regulamentadoras para o setor produtivo. 

Ela aponta que estas medidas representam um avanço importante para a indústria porque flexibilizam o entendimento e aplicação das normas, com reflexos tanto na gestão de processos quanto na qualidade de saúde e segurança do trabalhador. Lembra que o País conta com 36 NRs que surgiram a partir de 1978 quando o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) definiu critérios de padronização e fiscalização, fornecendo orientações sobre procedimentos obrigatórios relacionados à segurança e à medicina do trabalho. 

Migliane Réus de Mello aponta que o monitoramento de vários pontos das normas traz resultados que podem ser financeiros, na gestão de processos, mas de engajamento por melhor produtividade, com regulações que são necessárias, mas que não travem de alguma maneira as atividades da indústria. 

O presidente da ACIJS e do Centro Empresarial, Anselmo Luiz Jorge Ramos, e o coordenador do Núcleo de Saúde e Segurança da entidade, Arduíno Martins, ressaltaram a importância de discutir o tema, impondo novas responsabilidades também aos profissionais da área. A ACIJS, explica Anselmo, pretende acompanhar e dar respaldo ao assunto junto aos fóruns de discussão, trazendo aos associados as deliberações tomadas pelo governo.  

Conforme Migliane, este acompanhamento de forma a se antecipar no planejamento é fundamental, existem as comissões que envolvem segmentos organizados, mas qualquer cidadão pode contribuir por meio da plataforma www.participa.br.  


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp! 

Matérias Relacionadas

Geral

Inscrições para estágio de Ensino Superior terminam neste domingo

O valor mensal da bolsa para este ano é de R$ 1.088,51 mais vale-transporte, caso comprovada a necessidade
Inscrições para estágio de Ensino Superior terminam neste domingo
Geral

Confira as previsões do horóscopo para hoje

Saiba o que os astros reservam para você no amor, vida profissional e viagens
Confira as previsões do horóscopo para hoje
Geral

Osterpark retorna neste fim de semana com atrações para toda a família

Apresentações culturais, Osterbaum (árvore de Páscoa) e oficinas infantis são alguns dos atrativos da festa
Osterpark retorna neste fim de semana com atrações para toda a família
Geral

Pomerode terá primeira tirolesa em dupla e com curvas do país, com 168 metros de extensão

Atração fará parte do Spitz Pomer, parque temático e de aventura que será inaugurado no segundo semestre de 2024
Pomerode terá primeira tirolesa em dupla e com curvas do país, com 168 metros de extensão
Ver mais de Geral