Mês do Trânsito - Rádio
Saúde

Microrregião registra 61 novos casos de AIDS neste ano

21 Nov 2012 - 18h17

Santa Catarina tem a segunda maior incidência de casos de infecção do vírus HIV no Brasil. O dado foi divulgado hoje pelo Ministério da Saúde, durante o lançamento da campanha do teste rápido na rede pública.


O boletim epidemiológico de 2011 mostra que a taxa de incidência é de 36,4 casos a cada 100 mil catarinenses. O número é maior que média nacional, que é de 20,2 casos a cada 100 mil habitantes. Entres as capitais, Florianópolis é a segunda, com 71,6 casos, perdendo apenas para Porto Alegre, que tem 95,3 casos a cada 100 mil habitantes. Em Jaraguá do Sul, de acordo com o Supervisor Programa DST, Aids e Hepatites Virais da Secretaria Municipal de Saúde, Dalton Fischer a situação está sobcontrole.

[jwplayer mediaid="67629"]

Dos 61 casos diagnosticados na microrregião de janeiro a outubro deste ano, dois foram em Corupá, 12 em Guaramirim, 39 em Jaraguá do Sul, seis em Massaranduba e dois em Schroeder. Fischer destaca que nos últimos anos houve um aumento no número de casos entre os jovens.

[jwplayer mediaid="67631"]

O Supervisor Programa DST, Aids e Hepatites Virais na Secretaria Municipal de Saúde ressalta que o preservativo, durante a relação sexual, é a melhor prenvenção ao vírus HIV.

[jwplayer mediaid="67627"]

A estimativa é que 530 mil pessoas sejam portadoras do vírus HIV no Brasil, sendo que 217 mil estão em tratamento e 130 mil não sabem que têm a doença. Por isso, o Ministério da Saúde lançou uma campanha para oferecer o teste rápido em larga escala na rede pública. Durante 10 dias, todas as pessoas que desejarem saber sua condição podem procurar as unidades da rede pública e os Centros de Testagem e Aconselhamento - CTA, em todo o país. A estratégia faz parte das ações que marcam o Dia Mundial de Luta contra a Aids, lembrado em 1º de dezembro.


A partir desta quinta-feira (22) até 1º de dezembro - as unidades da estratégia de mobilização 'Fique Sabendo' estarão em todas os estados do país, oferecendo testes para HIV/Aids, sífilis e hepatites B e C. Com apenas uma gota de sangue colhida, o resultado do teste rápido sai em 30 minutos. A pessoa recebe aconselhamento antes e depois do exame. Em caso positivo, ela é encaminhada para o serviço especializado. Jaraguá do Sul, de acordo com Dalton Fischer, ainda aguarda um parecer da secretaria Estadual de Saúde, informando como funcionará a Campanha, coordenada pelo Ministério da Saúde, nos municípios catarinense.

(JANICI DEMETRIO)

Matérias Relacionadas

Jaraguá do Sul

Mudança no mapa de risco permite a abertura de parques e a realização de jogos recreativos em Jaraguá do Sul

Decisão do Município foi possível em função da nova classificação que o Estado fez da região Nordeste. Igrejas podem funcionar com 50% da capacidade
Mudança no mapa de risco permite a abertura de parques e a realização de jogos recreativos em Jaraguá do Sul
Política

Realização de debates deve seguir regras estabelecidas pela Justiça Eleitoral

Ressalta-se que os debates realizados durante o período eleitoral devem ser informados com antecedência à Justiça Eleitoral
Realização de debates deve seguir regras estabelecidas pela Justiça Eleitoral
Santa Catarina

Coronavírus em SC: Matriz aponta pela primeira vez Santa Catarina sem regiões em estado gravíssimo

Essa é a melhor condição do estado em relação ao risco de contaminação pelo novo coronavírus desde junho
Coronavírus em SC: Matriz aponta pela primeira vez Santa Catarina sem regiões em estado gravíssimo
Corupá

Kit emergencial da merenda poderá ser retirado entre 29 de setembro e 2 de outubro em Corupá

No mesmo período, a Secretaria de Educação irá entregar os boletins dos estudantes e a nova remessa de atividades escolares também estará disponível para retirada
Kit emergencial da merenda poderá ser retirado entre 29 de setembro e 2 de outubro em Corupá
Ver mais de Geral