Unimed - Capa
Geral

Mapa recebe proposta de abastecimento de grãos para Santa Catarina

28 Ago 2012 - 21h51

O secretário de Estado da Agricultura e da Pesca, João Rodrigues, entregou ao ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Mendes Ribeiro, um projeto de abastecimento de milho para Santa Catarina que sugere medidas emergenciais, até 31 de dezembro, para amenizar a falta do grão que afeta a avicultura, a suinocultura e a bovinocultura de leite catarinense. O ato ocorreu nesta terça-feira (28) no estande do Mapa na Expointer, em Esteio (RS). 


O documento foi elaborado em conjunto entre Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca, Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e entidades ligadas ao setor produtivo. "A avicultura, suinocultura e bovinocultura de leite são atividades tradicionais da economia catarinense e passam por uma crise severa, sem precedentes na história, devido a dificuldades de acesso a insumos", informa João Rodrigues. "O milho e o farelo de soja representam mais de 70% do custo de produção dessas atividades.A estiagem reduziu a produção catarinense em 900 mil toneladas, elevando o déficit anual do Estado para mais de 2,7 milhões de toneladas em 2012", complementa. 

O Governo catarinense sugere que seja aplicado um subsídio, denominado de Valor de Escoamento do Produto (VEP), com limite de até 4 mil toneladas/mês por unidade agroindustrial do Estado. Também que seja mantido o VEP de até mil toneladas/mês, anunciado para iniciar na próxima semana, que atenderá os pequenos e médios criadores. E, ainda, que seja disponibilizado milho, no estado de origem, para clientes do balcão, no valor praticado atualmente em Santa Catarina de R$ 21 a saca, permanecendo o subsídio do frete e do tributo, além de ser criado um subsídio oferecido ao frete para o farelo de soja. 

O ministro Mendes Ribeiro encaminhou a proposta catarinense ao Conselho Monetário Nacional que deverá avaliá-la em breve. "Caso nossa proposta seja aprovada o impacto da crise de abastecimento será reduzido, porém não irá resolver o problema dos produtores catarinenses", destaca o secretário. João Rodrigues ressalta ainda que a safrinha de milho no Centro Oeste foi muito grande, 72% a mais do que no ano anterior, portanto há milho no Brasil. Porém o Governo Federal, por meio da Conab, não conseguiu transferir o milho adicional da região produtora para o Sul devido à dificuldade de transporte e as medidas já anunciadas pelo Mapa tiveram pouco impacto prático por falta de implementação. "A venda de milho na modalidade balcão oferece 27 toneladas/mês para o pequeno e médio produtor ao preço de R$ 21 por saca, mas muito pouco está acontecendo na prática", afirma. 

O secretário adjunto, Airton Spies, após conversa com representantes da Conab, informou que a Companhia tem hoje apenas 700 toneladas de milho em estoque no estado, sendo que o consumo total diário é de aproximadamente 15 mil toneladas. A licitação de frete feita nesta segunda-feira (27) para transportar mais 34 mil toneladas do Mato Grosso para Santa Catarina não conseguiu atrair nenhuma empresa interessada em prestar o serviço. Uma nova licitação de frete está prevista para o dia 6/9, porém depois de contratado o transporte, o milho leva mais 20 dias para chegar a Santa Catarina. 


"A regularização do abastecimento de grãos em Santa Catarina depende de transferência de milho para o Sul e se a medida do VEP com subsídio do frete for aprovada, o problema pode ser resolvido em 60 dias. Depois disso começam as chuvas no Mato Grosso e pode haver até perda de milho por falta de armazéns por lá, enquanto os do sul estão vazios", complementa Spies.


Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca

Matérias Relacionadas

Geral

Morre Francisco, pai dos sertanejos Zezé di Camargo e Luciano

Ele estava internado em um  hospital particular em Goiânia há 14 dias
Morre Francisco, pai dos sertanejos Zezé di Camargo e Luciano
Geral

Caropreso cobra agilidade na licitação das obras especiais da BR 280 

Recurso administrativo requer alteração de projeto
Caropreso cobra agilidade na licitação das obras especiais da BR 280 
Geral

Portarias do Estado liberam uso de provadores e cursos livres para menores de 14 anos

A autorização para a prova de roupas, acessórios, bijuterias e calçados foi autorizada pela portaria da Secretaria de Estado da Saúde (SES) 883/2020, publicada na terça-feira (17)
Rafael Benkendorf

Renault Megane eVision, provável concorrente do VW ID.3 poderá se chamar Megane ZOE

"O novo elétrico chamou a atenção por resgatar o nome Mégane, bastante popular entre os entusiastas,..."
Renault Megane eVision, provável concorrente do VW ID.3 poderá se chamar Megane ZOE
Ver mais de Geral