Delivery Much
GERAL

Justiça manda oficina de cidade indenizar vizinho por parafusadeira ruidosa

27 Abr 2019 - 14h42Por Pepita Ortega

O Tribunal de Justiça de São Paulo manteve a decisão de condenar uma oficina mecânica de Bocaina, pequeno município com cerca de 12 mil habitantes a 298 km da capital paulista, a pagar uma indenização de R$ 8 mil a um vizinho por 'poluição sonora'.

O dono do estabelecimento deverá ainda instalar barreiras de proteção acústica ou então terá de parar de usar os equipamentos, sob pena de multa diária de R$ 500, limitada ao valor de R$ 10 mil.

Segundo os autos, a atividade da oficina produz ruídos que excedem os limites fixados pelas normas técnicas.

A perícia identificou ruídos de 60 decibéis no estabelecimento, resultantes das 'movimentações de veículos e conversas'. Quando os equipamentos estão em funcionamento, entre eles um compressor de ar e uma 'parafusadeira' de pneus, os ruídos podem chegar a 66 decibéis.

Para a região predominantemente residencial e mista o limites de ruído é de 55 a 60 decibéis.

O relator do caso, desembargador Pedro Baccarat, ressaltou em seu voto que as medições da perícia 'comprovam o abuso da oficina'. Em sua avaliação, 'os valores excessivos medidos no interior da residência do vizinho são prejudiciais à segurança, saúde e sossego'.

"Os incômodos causados pelos ruídos provenientes da oficina excedem o limite do tolerável e configuram o dano moral", afirma o magistrado.

O dono do estabelecimento havia entrado com um recurso de apelação no caso, alegando que a oficina tem alvará de funcionamento e foi instalada antes de o vizinho se mudar. Ele diz ainda que 'produz ruído intermitente, mas ameno'.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Guaramirim inicia vacinação contra a covid

Três profissionais do Centro de Triagem receberam as primeiras doses nesta terça-feira (19)
Guaramirim inicia vacinação contra a covid
Geral

Defesa Civil mantém interdição parcial da subida do Molha

No local, havia uma grande pedra, que precisou ser detonada e removida em pedaços devido ao tamanho, calculado em mais de 50 toneladas
Defesa Civil mantém interdição parcial da subida do Molha
Geral

Homem tem parte do corpo queimada em acidente doméstico em Jaraguá

A vítima foi conduzida em estado estável ao hospital São José
Geral

Altair Silva é novo secretário da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural de SC

Entre os maiores desafios de sua gestão, o novo secretário destaca as ações para reduzir os impactos da estiagem em Santa Catarina e a melhoria na energia elétrica disponível no meio rural
Ver mais de Geral