dengue
Geral

Justiça autoriza prisão de merendeira que colocou veneno na comida de alunos e professores

06 Ago 2011 - 11h12

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul confirmou pouco antes da meia-noite de sexta-feira que foi deferida pelo juiz Léo Pietrowski a prisão preventiva da merendeira Wanuzi Mendes Machado, 23 anos.

Na tarde de sexta-feira, ela confessou ter misturado veneno para rato ao estrogonofe servido aos alunos, professores e funcionários da Escola Estadual Doutor Pacheco Prates, no Belém Velho, em Porto Alegre, no almoço de quinta-feira.

O delegado Cléber Lima, da 1ª Delegacia de Homicídios e Desaparecidos (1ª DHD), informou que ainda não havia recebido o mandado de prisão e que o mesmo só deverá ser cumprido na manhã deste sábado.

Fonte:DIÁRIO GAÚCHO

Matérias Relacionadas

Geral

Narrador de futebol é internado na UTI após cair de cabine durante transmissão de jogo em SC

Queda ocorreu de uma altura de aproximadamente quatro metros
Narrador de futebol é internado na UTI após cair de cabine durante transmissão de jogo em SC
Geral

Trabalhador morre após cair de oito metros de altura em Guaramirim

Homem fazia serviços elétricos quando caiu de um andaime.
Trabalhador morre após cair de oito metros de altura em Guaramirim
Geral

Celesc divulga relação de documentos esquecidos na Unidade de Jaraguá do Sul

Confira a lista
Celesc divulga relação de documentos esquecidos na Unidade de Jaraguá do Sul
Geral

Classificados da Rádio Jaraguá

Quer vender, comprar ou alugar? Confira as oportunidades disponíveis nessa segunda-feira (17).
Classificados da Rádio Jaraguá
Ver mais de Geral