Geral

Joaquim Barbosa deve antecipar volta à presidência do STF

25 Jan 2013 - 20h02

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa, deverá antecipar a volta das férias, aguardada para o fim do mês, para o início da próxima semana. O acordo inicial previa que o vice-presidente, ministro Ricardo Lewandowski, ocupasse a presidência interina do STF até o dia 31 de janeiro.


Segundo a assessoria do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Joaquim Barbosa deverá presidir a primeira sessão do ano na próxima terça-feira (29). A agenda não confirmada do ministro também prevê reunião com um desembargador no final da tarde de segunda-feira (28) e encontro intermediado por um conselheiro do CNJ, na quarta-feira (30).

Barbosa tomou posse na presidência do STF em 22 de novembro do ano passado e finalizou a condução do julgamento da Ação Penal 470, o processo do mensalão. Atuou como plantonista desde o encerramento do ano judiciário de 2012, em 19 de dezembro, até o dia 11 de janeiro, quando tirou alguns dias de folga. Os ministros do STF voltam ao trabalho no dia 1º de fevereiro.

 AGÊNCIA BRASIL

Matérias Relacionadas

Jaraguá do Sul

Segunda edição da Feijoada do HMJ será via drive-thru

O objetivo da ação é levantar fundos para a manutenção das atividades do HMJ
Segunda edição da Feijoada do HMJ será via drive-thru
Jaraguá do Sul

Vendaval provocou a interrupção de energia elétrica em 75 mil unidades consumidoras de Jaraguá do Sul

No site da Celesc, até a tarde desta quinta-feira (2), haviam 6.787 unidades consumidoras com o fornecimento interrompido
Vendaval provocou a interrupção de energia elétrica em 75 mil unidades consumidoras de Jaraguá do Sul
Variedades

Grupo promove encontros semanais para valorizar a amizade

De acordo com o idealizador do espaço, João Andrade, a intenção é valorizar os idosos, e mais ainda, nesta crise da pandemia
Grupo promove encontros semanais para valorizar a amizade
Santa Catarina

Ciclone: Celesc restabelece 85% do sistema elétrico catarinense

Em todo estado, neste momento cerca de 226 mil unidades consumidoras ainda estão sem energia
Ciclone: Celesc restabelece 85% do sistema elétrico catarinense
Ver mais de Geral