Delivery Much
Vacina

Jaraguá do Sul se mobiliza contra as hepatites virais

25 Jul 2014 - 20h05
O município de Jaraguá do Sul se mobiliza na semana do dia 28 de julho a 2 de agosto contra as hepatites virais. Na cidade o Dia D será 2 de agosto, sábado, das 8 às 17 horas. Nesse dia as unidades de saúde com sala de vacina estarão abertas para checar a carteira de vacina e imunizar aqueles que ainda não estão protegidos da hepatite B. A vacinação é gratuita e voltada a pessoas com idade entre zero e 49 anos. Ou, no caso de grupo de risco, em qualquer idade. É considerado grupo de risco, pelo Ministério da Saúde, gestante, manicures e pedicures, profissionais do sexo, militares, profissionais de saúde, caminhoneiros, usuários de drogas, pessoas que fazem sexo com pessoas do mesmo sexo, coletores de lixo e tatuadores.

 

Durante a semana, haverá também intensificação da oferta de teste contra as hepatite B e C, no Laboratório Municipal de Saúde Pública, que fica anexo ao Pama 1, bairro Czerniewicz. O horário de funcionamento do laboratório é de segunda a sexta-feira, das 7 às 17h45.

 

O diretor de Vigilância em Saúde, Dalton Fischer, explica que o objetivo desta ação é imunizar as pessoas que estão desprotegidas da hepatite B, e também informar e diagnosticar pessoas que têm a doença. “As pessoas diagnosticadas com hepatite podem procurar uma unidade de saúde para obter informações sobre tratamento ou podem procurar diretamente o Serviço de Atenção Especializada, também anexo ao Pama 1”, explica o diretor. O telefone para contato é (47) 2106-8300. Fischer informa que a vacina contra hepatite B é gratuita, segura e eficaz, e que não oferece nenhum risco à saúde.

 

 

Saiba mais sobre a hepatite

 

A hepatite é um grave problema de saúde pública no Brasil e no mundo. Esta doença se caracteriza por uma inflamação no fígado que pode alterar o seu funcionamento, colaborando para o aparecimento de cirrose, câncer e outras doenças. Existem várias formas de hepatite. As mais comuns são as virais que, como o próprio nome sugere, são causadas por vírus. A hepatite também pode ser provocada por agentes tóxicos, como drogas, medicações e outras substâncias químicas.

 

As hepatites virais são classificadas por letras do alfabeto: Hepatite A, B, C, D e E, sendo mais comuns no Brasil a hepatite A, B e C. São doenças silenciosas que nem sempre apresentam sintomas, mas quando aparecem podem ser cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras.

 

O contágio das hepatites ocorre por:

 

- Contágio fecal-oral: condições precárias de saneamento básico e água, de higiene pessoal e dos alimentos (vírus A e E);

 

- Transmissão sanguínea: sexo desprotegido, compartilhamento de seringas, agulhas, lâminas de barbear, alicates de unha e outros objetos que furam ou cortam (vírus B, C e D);

 

- Transmissão sanguínea: da mãe para o filho durante a gravidez, o parto e a amamentação (vírus B, C e D).

 

Nos últimos 12 anos, mais de 120 mil novos casos de hepatite B foram notificados no Brasil, sendo 31% na região Sul. E 82 mil casos de hepatite C, sendo 22% na região Sul. Para combater essa grave doença, a Organização Mundial de Saúde (OMS) instituiu o dia 28 de julho como Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais.

 

 

Saiba quais unidades de saúde de Jaraguá do Sul contam com sala de vacina

 

Unidade Básica Central

Rua: Reinoldo Rau, 123 - Bairro: Centro

Telefone: 3276-8912

 

Posto de Saúde Adilson Bassani

Rua: 25 de Julho, 576 - Bairro: Vila Nova

Telefone: 3372-1594

 

Posto de Saúde Dr. Agostinho Luís Bianchi

Rua: Maximino Beber, 595 - Bairro: Santo Antônio

Telefone: 3276-0570

 

Posto de Saúde Dr. Álvaro Batalha

Rua: Dona Matilde, 375 - Bairro: Vila Lalau

Telefone: 3371-8243

 

Posto de Saúde Dr. Alexander Otsa

Rua: Prefeito José Bauer, 557 - Bairro: Rau - Cohab

Telefone: 3371-9686

 

Posto de Saúde Anna Preti Pedri

Rua: 981, Carlos Frederico Ranthum nº 85 - Bairro: Santa Luzia

Telefone: 3274-8149

 

Posto de Saúde Dr. Erich Kauffmann

Rua: Onélia Horst, 208 - Bairro: Vila Lenzi

Telefone: 3371-6495

 

Posto de Saúde Germano Sacht

Rua: Manoel Francisco da Costa, 4.390 - Bairro: João Pessoa

Telefone: 3370-2299

 

Posto de Saúde Ilha da Figueira

Rua: João Sanson, 156 - Bairro: Ilha da Figueira

Telefone: 3370-4014

 

Posto de Saúde Mathilde Sebold Blunk

Rua: Ingo Blunk, 110 - Bairro: Estrada Nova

Telefone: 3276-0690

 

Posto de Saúde Padre Antônio Echelmeyer

Rua: André Voltolini, 915 - Bairro: Nereu Ramos (fundos da Igreja)

Telefone: 3276-0211

 

Posto de Saúde Renato Pradi – Caic

Rua: Carlos Tribess, 150 - Bairro: São Luís

Telefone: 3370-8710

 

Posto de Saúde Ricardo Roeder

Rua: Rodovia SC 416 Km 26 - Bairro: Rio Cerro II

Telefone: 3273-1077

 

Posto de Saúde Santo Estevão

Rua: Rodovia JGS 461, 1.788 - Bairro: Garibaldi

Telefone: 3055-8330

 

Posto de Saúde Wolfgang Weege - Pama 2

Rua: Pastor Alberto Schneider, 249 - Bairro: Barra do Rio Cerro

Telefone: 3376-1329 – 3376-1467

 

Posto de Saúde Cirilo Reinke

Rua: Georg Reinke, s/n - Bairro: Rio da Luz

Telefone: 3276-3163

 

Posto de Saúde Luis Martins Gonçalves

Rua: Annieta Mathis Enke, 550 - Bairro: Amizade

Telefone: 3376-6233

 

Posto de Saúde Oscar Oldemburg

Rua Bertha Wegue, S/N - Bairro: Jaraguá 99

Telefone: 3376-4761

 

Posto Reinholdo Wuerges

Rua Erico Negherbgon, 76

Bairro: Chico de Paulo

Telefone: 3275-0946
Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Saúde

Guaramirim inicia vacinação contra a covid

Três profissionais do Centro de Triagem receberam as primeiras doses nesta terça-feira (19)
Guaramirim inicia vacinação contra a covid
Geral

Defesa Civil mantém interdição parcial da subida do Molha

No local, havia uma grande pedra, que precisou ser detonada e removida em pedaços devido ao tamanho, calculado em mais de 50 toneladas
Defesa Civil mantém interdição parcial da subida do Molha
Geral

Homem tem parte do corpo queimada em acidente doméstico em Jaraguá

A vítima foi conduzida em estado estável ao hospital São José
Geral

Altair Silva é novo secretário da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural de SC

Entre os maiores desafios de sua gestão, o novo secretário destaca as ações para reduzir os impactos da estiagem em Santa Catarina e a melhoria na energia elétrica disponível no meio rural
Ver mais de Geral