Unimed - Capa
INSS

INSS: Carnaval altera pagamento de benefícios

28 Fev 2017 - 13h41
INSS: Carnaval altera pagamento de benefícios -
Beneficiários do INSS devem ficar ligados ao calendário de pagamento de março. Por causa do carnaval,  os depósitos vão ser feitos de forma diferente. Quem receberia o pagamento só a partir da quinta-feira, dia DOIS de março, vai começar a receber já na quarta-feira de cinzas. Dia PRIMEIRO de março. Nesse dia os bancos vão abrir a partir de MEIO DIA. O objetivo, segundo a Previdência, é facilitar o acesso ao seguro e não atrasar os pagamentos.

A medida funciona de forma cumulativa, ou seja, vale também para os beneficiários que recebem nos dias seguintes. Portanto quem receberia o pagamento no dia DOIS passa a receber dia PRIMEIRO. Quem recebia no dia TRÊS, vai receber no dia DOIS, e assim por diante. Os benefícios do INSS são pagos de acordo com o último número do cartão de beneficiário, sem considerar o dígito.

Devido ao feriado do carnaval nos dias 27 e 28 de fevereiro não vai haver liberação de benefícios./ Para acessar o calendário de pagamento de benefícios do INSS basta acessar www.previdencia.gov.br./ E caso tenha alguma dúvida o telefone é o 135.

Matérias Relacionadas

Educação

Escolas municipais recebem alunos com dificuldades no ensino remoto

Os demais estudantes continuam com o ensino a distância
Escolas municipais recebem alunos com dificuldades no ensino remoto
Santa Catarina

Coronavírus em SC: Santa Catarina empresta monitores para o estado do Amazonas

O empréstimo foi definido após contato entre o secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, e o Ministério da Saúde (MS)
Coronavírus em SC: Santa Catarina empresta monitores para o estado do Amazonas
Saúde

“Jamais esteve sob análise privatizar o SUS”, diz Guedes

Ministro falou na audiência virtual da Comissão Mista do Congresso
“Jamais esteve sob análise privatizar o SUS”, diz Guedes
Economia

Déficit primário do Governo Central atinge R$76,16 bilhões em setembro

Resultado foi melhor que o esperado pelas instituições financeiras
Déficit primário do Governo Central atinge R$76,16 bilhões em setembro
Ver mais de Geral