Imobiliária Coralli
Geral

Idosa era maltratada por filha adotiva de 11 anos em Santa Maria, RS

10 Jul 2012 - 17h21

Uma idosa de 69 anos foi encontrada nesta segunda-feira (9) vivendo em condições sub-humanas em Santa Maria, na Região Central do Rio Grande do Sul. Segundo a Secretaria de Assistência Social do município, a filha adotiva da vítima, de 11 anos, a mantinha no segundo andar de um sobrado no bairro Itararé, sem alimento e em más condições de higiene. A menina teria se apropriado do cartão de aposentadoria da mãe adotiva para gastos pessoais.


"Era um local muito insalubre, com muito lixo e roupas pelo chão. O banheiro estava interditado com lixo", disse ao G1 Claudemara Tolotti, uma das assistentes sociais da prefeitura que acompanham o caso.

A Brigada Militar foi até o local após receber uma denúncia por telefone de cárcere privado. Os policiais tiveram de usar uma abertura no telhado para resgar a idoso, pois não havia acesso entre um andar e outro do sobrado e a chave da porta havia sido perdido há tempos.

Segundo a assistente social, a idosa foi encontrada muito magra e aparentava ter problemas psiquiátricos. Claudemara afirma que não é possível determinar se trata-se de uma patologia ou de uma confusão mental decorrente da situação em que ela se encontrava. O que se sabe é que ela aparenta não condenar a filha.

"Ela acabou delegando toda a função da aposentadoria à filha, e faz um esforço para proteger essa filha. Não admite que a filha a tenha prejudicado. Sabemos que a menina gastava todo o dinheiro em roupas e pagava roupas para amigas, com o dinheiro que poderia dar uma condição melhor à mãe", disse a assistente social.


A idosa foi encaminhada para atendimento médico. Posteriormente, as assistentes sociais tentarão convencê-la a ir para um lar para idosos. "Ela tem de ser abrigada em uma casa. Em um primeiro momento, ela não concordou com isso" explicou Claudemara. Já a criança foi recolhida pelo Conselho Tutelar e será encaminhada a um abrigo para jovens.

GLOBO.COM.BR

Matérias Relacionadas

Geral

Auxilio emergencial para trabalhadores da Cultura deve ser solicitado diretamente à Fundação Catarinense de Cultura

Auxilio emergencial para trabalhadores da Cultura deve ser solicitado diretamente à Fundação Catarinense de Cultura
Economia

Impactos negativos da covid-19 nas empresas diminuíram em agosto

Empresas de todos os portes relataram a melhora na percepção, diz IBGE
Impactos negativos da covid-19 nas empresas diminuíram em agosto
Educação

Após concluir avaliação semestral, Educação estima apoio pedagógico para 26% dos alunos da rede

Em decorrência da adaptação ao regime especial de atividades não presenciais, por conta da pandemia do coronavírus, neste ano os alunos foram avaliados por semestre, em vez da avaliação trimestral
Após concluir avaliação semestral, Educação estima apoio pedagógico para 26% dos alunos da rede
Saúde

Outubro Rosa chama a atenção para o diagnóstico precoce do câncer de mama

Em Jaraguá do Sul, a Rede Feminina de Combate ao Câncer está à frente da Campanha que neste ano traz o tema “ A vida muda em um toque”
Outubro Rosa chama a atenção para o diagnóstico precoce do câncer de mama
Ver mais de Geral