Reforma

Governo lança programa para estimular reforma de casas e geração de empregos

10 Nov 2016 - 11h28
Com o objetivo de auxiliar famílias de baixa renda e alavancar os empregos na construção civil, o governo federal lançou hoje (9) o Cartão Reforma. O programa vai oferecer R$ 5 mil, em média, a pessoas que pretendem reformar suas residências. O benefício deve começar a ser concedido em 2017 a famílias com renda bruta de até R$ 1,8 mil mensais para a compra de materiais de construção.

Segundo o Ministério das Cidades, 7,8 milhões de residências brasileiras precisam ser reformadas, das quais 3,8 milhões pertencem a famílias cujo salário se adequa aos critérios do programa. Para o orçamento de 2017 estão reservados ao programa R$ 500 milhões.

O ministro das Cidades, Bruno Araújo, disse que os estados e municípios serão responsáveis por selecionar as áreas e identificar as famílias que tenham interesse em aderir ao Cartão Reforma. “O programa vai cuidar de brasileiros que ao longo dos anos conseguiram construir a sua habitação com grande sacrifício, mas são ainda precárias e sem condições de desenvolver com qualidade o futuro das suas famílias”, detalhou.

A contrapartida, de acordo com a pasta, é que os beneficiários sejam responsáveis pela mão de obra, orientados por técnicos oferecidos pelos governos. “Recebendo 15% dos recursos do programa, os estados e municípios vão contratar, através da assistência técnica, arquitetos, engenheiros, urbanistas e demais profissionais para auxiliar as famílias”, informou Bruno Araújo.

Os beneficiários do programa não serão obrigados a comprar os materiais em uma loja específica. Eles poderão escolher o estabelecimento de sua preferência.

 

Agência Brasil

Matérias Relacionadas

Jaraguá do Sul

Central 0800 sobre Coronavírus tem aumento de ligações

Na última semana, o município registrou o recorde de novos casos, (91)
Central 0800 sobre Coronavírus tem aumento de ligações
Santa Catarina

Ciclone em SC: Estado dá início à recuperação de 412 escolas atingidas pelo fenômeno

Grande Florianópolis, Itajaí, Jaraguá do Sul, Blumenau e Brusque foram as regiões com o maior número de escolas atingidas, totalizando 155
Ciclone em SC: Estado dá início à recuperação de 412 escolas atingidas pelo fenômeno
Saúde

Ainda restam 6 mil doses para quem ainda não se vacinou contra a gripe

Esta vacina não previne contra a covid-19, mas serve como diferencial na questão de avaliação de tratamento, de diagnóstico dessa doença
Ainda restam 6 mil doses para quem ainda não se vacinou contra a gripe
Santa Catarina

Governador participa por videoconferência do lançamento de nova unidade da JBS em Santa Catarina

Com um investimento de R$ 180 milhões, a usina deve ser inaugurada em junho de 2021 e irá gerar aproximadamente 500 empregos diretos e indiretos quando estiver em pleno funcionamento
Governador participa por videoconferência do lançamento de nova unidade da JBS em Santa Catarina
Ver mais de Geral