Celesc

Gerentes da Celesc desmentem boatos sobre fechamento da empresa em Jaraguá

Boatos diziam que a regional de Jaraguá seria fechada e ficaria e subordinada à Joinville

27 Fev 2019 - 11h00Por Sérgio Luiz
Gerentes da Celesc desmentem boatos sobre fechamento da empresa em Jaraguá - Crédito: Sérgio Luiz Crédito: Sérgio Luiz

O ex-gerente regional da Celesc em Jaraguá do Sul, Wagner Felipe Vogel, veio à público esclarecer sobre boatos a respeito da empresa. Alguns desse boatos diziam que a regional de Jaraguá seria fechada e ficaria e subordinada à Joinville, ficando aqui somente um escritório.

Em entrevista à Rádio Jaraguá, Vogel esclareceu que vai assumir a regional de Joinville, e o recém criado núcleo norte da Celesc, na mesma cidade.

O também engenheiro Danilson Agnaldo Mendes Wolff, que atua há 22 anos na Celesc de Jaraguá, está de férias e volta as atividades após o carnaval. É ele quem vai assumir a regional local, e disse que vai dar continuidade ao trabalho que estava em execução. 


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp!

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

Tamanduá-mirim é resgatado após invadir residência em Schroeder

A ocorrência foi registrada pelos bombeiros voluntários às 5h13 desta sexta-feira (7)
Tamanduá-mirim é resgatado após invadir residência em Schroeder
Geral

Público, privado, polícia e MP debatem pessoas em situação de rua

A reunião teve como objetivo a integração cada vez maior entre os órgãos que lidam com pessoas em situação de rua, para que as ações sejam mais efetivas e tenham consequências mais duradouras, como o encaminhamento aos serviços adequados
Público, privado, polícia e MP debatem pessoas em situação de rua
Geral

Homem é flagrado andando completamente nu em SC 

Ele estava desorientado e não sabia dizer o próprio nome
Homem é flagrado andando completamente nu em SC 
Geral

Com renda revertida para a AMA, livro Vó Nica Sabores de Casa ganha segunda edição

A publicação reúne 60 preparações, além de histórias e depoimentos emocionantes sobre a mãe, Ingelore Müller. 
Com renda revertida para a AMA, livro Vó Nica  Sabores de Casa ganha segunda edição
Ver mais de Geral