Campeonato Catarinense 2020
INSS

Gerente Regional do INSS diz que atendimento segue normal e que operação da PF não atingiu a Agência de Jaraguá do Sul

A manifestação oficial se deu por causa de uma operação da Polícia Federal, deflagrada para desarticular uma quadrilha que fraudava o INSS

16 Mai 2019 - 14h10Por Sérgio Luiz
Gerente Regional do INSS diz que atendimento segue normal e que operação da PF não atingiu a Agência de Jaraguá do Sul - Crédito: Sérgio Luiz Crédito: Sérgio Luiz

O gerente executivo da regional do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Altemir Cordeiro, veio à público esclarecer que nenhum servidor da Agência de Jaraguá do Sul tem qualquer envolvimento em fraudes na previdência. A manifestação oficial se deu por causa de uma operação da Polícia Federal, deflagrada para desarticular uma quadrilha que fraudava o INSS.

O que houve, segundo Cordeiro, foi a condução para esclarecimentos a PF, de um despachante previdenciário. Uma pessoa que atua de forma particular e faz os encaminhamentos para aposentadorias. O pronunciamento do responsável regional pelo INSS foi para preservar a imagem dos funcionários que estavam sendo constrangidos com brincadeiras maldosas.

Relembrando

Duas pessoas foram presas, na manhã desta terça-feira (14), em uma operação da Polícia Federal (PF) que investigou uma organização criminosa especializada em fraudar aposentadorias por idade, por tempo de contribuição e pensões por morte. Segundo a PF, eles eram agenciadores de aposentadoria.

O prejuízo causado pelo grupo é calculado em R$ 3,7 milhões, com o pagamento de 52 benefícios obtidos de forma fraudulenta. Além dos mandados de prisão, foram cumpridos 17 de busca e apreensão em Curitiba, Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), e Pontal do Paraná, no litoral do Paraná. Além de Jaraguá do Sul (SC), Erechim (RS) e Marcelino Ramos (RS).

Durante a investigação, foi identificado que a organização criminosa atuava pelo menos desde 2013, e era chefiada por um agenciador de aposentadorias, reincidente em crimes contra a Previdência.

Segundo a polícia, há indícios de que o esquema criminoso conte com a participação de dois servidores do INSS, três contadores, dois advogados e outros intermediários de benefícios previdenciários.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp!

App Prefeitura

Matérias Relacionadas

SC-108

SC 108 é interditada em Guaramirim

O objetivo do bloqueio é a segurança dos motoristas
SC 108 é interditada em Guaramirim
Jaraguá do Sul

Jaraguá terá mais dois pontos para descarte de materiais

Jaraguá terá mais dois pontos para descarte de materiais
Geral

Em um mês, Recicla CDL de Jaraguá arrecadou sete toneladas de lixo eletrônico

Durante todo o ano de 2019, 29 toneladas de lixo eletrônico foram descartadas corretamente, através do programa.
Em um mês, Recicla CDL de  Jaraguá arrecadou sete toneladas de lixo eletrônico
Segurança

Carnaval termina sem mortes nas rodovias estaduais pelo segundo ano seguido

Carnaval termina sem mortes nas rodovias estaduais pelo segundo ano seguido
Ver mais de Geral