Imobiliária Coralli
Pronatec

Funcionários do Sine participam de capacitação

23 Jul 2012 - 23h01

Os cursos de capacitação dos funcionários do Sistema Nacional de Emprego (Sine) para a implantação do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) Seguro-Desemprego serão nesta terça-feira, 24, em quatro regiões do Estado.


A capacitação será nos postos do Sine em Lages, Criciúma, Rio do Sul e Mafra e abrange não apenas o município sede, mas também os municípios da região que possuem postos de atendimento ao trabalhador. Nesta etapa, haverá a participação de 34 municípios. Na sexta-feira, 20, o curso ocorreu na região de Concórdia. Os encontros, que começaram em 17 de julho, ocorrem até o dia 31, e estão previstos ainda nas regiões de Chapecó e São Miguel do Oeste.

O curso de oito horas/aula é dividido em teoria e prática. Os funcionários têm detalhes sobre todo o processo no sistema do Sine e encaminhamentos dos trabalhadores para as instituições executoras, os casos de recusa e suas implicações, além do correto procedimento de inserção na qualificação profissional. "O objetivo é tornar o processo mais ágil e inserir o trabalhador no mercado de trabalho", explicou o Supervisor do Seguro-Desemprego do Sine, Cantucho Setúbel.

Os funcionários dos Sine estão sendo qualificados para atender às novas exigências do governo federal - que condicionou o recebimento do seguro-desemprego à comprovação de matrícula e frequência em cursos de qualificação profissional para trabalhadores que fazem a solicitação pela terceira vez em 10 anos - o chamado Pronatec-Seguro Desemprego.

O trabalhador deverá concluir o curso de qualificação com carga horária mínima de 160h, sob pena de não receber o seguro-desemprego. No Estado, o Pronatec Seguro-Desemprego será realizado por meio de uma parceria entre a Secretaria de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habitação (SST), a Superintendência do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e as instituições executoras dos cursos de qualificação profissional.

A pré-inscrição dos cursos será feita em qualquer uma das 110 unidades do Sine em Santa Catarina ou nas unidades da Superintendência do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Os cursos ficam disponíveis no sistema e são mapeados com a inserção do número do Cadastro de Pessoa Física (CPF) da pessoa.


Depois disso, os atendentes fazem uma busca para verificar os cursos oferecidos no município e o número de vagas.  Caso haja um curso compatível e vagas disponíveis, o trabalhador é encaminhado a uma das instituições de ensino credenciadas para oferecer as qualificações como os Institutos Federais (IF-SC), Institutos Federais Catarinenses (IFC), Senai, Senac, e Senat.

O trabalhador poderá fazer qualquer um dos cursos disponíveis, mesmo que não seja exatamente na sua área. Se não houver nenhum curso ou vaga de emprego disponível, o seguro-desemprego será pago. O aluno receberá transporte e lanche gratuitos e poderá participar dos cursos diurnos do Pronatec Social ou da Educação disponíveis no seu município.

Com a edição da lei que instituiu o Pronatec Seguro-Desemprego foram exigidos outros documentos, além dos habituais. A partir de agora o trabalhador deve apresentar também o comprovante de residência e o comprovante de escolaridade. Os demais documentos são o termo de rescisão, carteira de trabalho, CPF e RG, comprovante de depósito ou do extrato do FGTS, além das duas guias de requerimento do seguro-desemprego.

Matérias Relacionadas

Geral

Prazo de entrega da declaração do ITR acaba hoje

Receita espera receber 5,9 milhões de documentos
Prazo de entrega da declaração do ITR acaba hoje
Jaraguá do Sul

CDL de Jaraguá promove plenária virtual nesta quarta-feira

A reunião tem como tema principal a divulgação da campanha de fim de ano da entidade, intitulada Comprou, Raspou, Ganhou
CDL de Jaraguá promove plenária virtual nesta quarta-feira
Geral

Pagamento em dinheiro volta a ser aceito no transporte coletivo em Jaraguá

Desde a retomada do transporte público, o pagamento da passagem só era permitido com cartão TEM
Pagamento em dinheiro volta a ser aceito no transporte coletivo em Jaraguá
Solidariedade

Irmãos com 'olhos de vidro' precisam de ajuda para trocar as próteses

Jovens sofrem de uma doença chamada retinoblastoma, que é um tumor no globo ocular que comprometeu a visão
Irmãos com 'olhos de vidro' precisam de ajuda para trocar as próteses
Ver mais de Geral