Caraguá
escola Vitor Meirelles

Escola Vitor Meirelles completa 80 anos

08 Set 2016 - 13h26
Escola Vitor Meirelles completa 80 anos -

Para marcar a data, acontece às 14h desta sexta um Desfile Comemorativo em frente a escolas, com a participação de estudantes, Policiais Militares, Bombeiros Voluntários e a Banda Marcial de Jaraguá do Sul. O desfile contará com exposição de trabalhos desenvolvidos durante os 80 anos da escola e apresentação das obras de Vitor Meirellles, pintor catarinense.

Por conta do evento, a rua Domingos Anacleto Garcia ficará interditada entre as 14h e as 15h de sexta-feira, entre a rua José Vicenzi até o Ginásio da Escola.

História

A história da E.M.E.B. “Vítor Meirelles” situada no bairro Três Rios do Norte, iniciou em 1936. Nesta época, uma área de terra de 2500m² foi doada, por Rosa Lázzaris, para a construção da escola. No mesmo ano, foram iniciadas as primeiras reuniões para a construção do prédio, tendo como idealizador o senhor Rodolfo Marchi.


No ano de 1937, a escola funcionou junto a um rancho cedido pelo Sr. José Pinheiro, no qual fabricavam farinha. Os primeiros professores foram Alberto Tomelin (ex-religioso marista) e José Floriani. Ambos atuavam, na comunidade, por preferência.

Os trabalhos de construção do prédio tiveram início e término no ano de 1938, tendo como carpinteiros os senhores Alfredo Bekendorf, Alfonso Strücker, Henrique Reiner, Carlos Bekendorf, pedreiro o senhor Vergílio Lázzaris e ajudantes de pedreiro os senhores Alfredo Gütz, Érico Gütz, Adolfo Gütz, Francisco Lux, Alex Lafin, Domingos Anacleto Garcia, Sizino Garcia, João Garcia, Constante Anversi.

Em 1938, atuou como professor o Sr. Vitório Floriani, também ex-religioso Marista. No ano de 1939, o terreno e a obra foram cedidos à Prefeitura Municipal, que daí em diante, assumiu a manutenção da escola, através da Portaria nº 40 de 06/06/1939 que alterou a denominação da escola para Vítor Meirelles, sendo o Sr. Leônidas Cabral Herbster, o prefeito na época.

Em 2 de fevereiro de 1939 a professora Alice Silveira assumiu a escola. Mais tarde, Alice Murara assumiu, atuando até junho de 1944, quando passou a atuar, a professora regente de Ensino Primário, Paulina Nascimento.

Em 1952, a escola passou por reforma e ampliação com finalidade de servir também, como moradia da professora Paulina e família. Em 1957, através do Decreto nº 03/57 da Prefeitura Municipal de Jaraguá do Sul, a escola municipal Vítor Meirelles é desdobrada assumindo como professor auxiliar o Sr. Dolcídio Menel (da comunidade), que mais tarde foi substituído pelo professor Francisco Solamon.

A senhora Paulina Nascimento Lázzaris atuou como regente de ensino até 1966, quando se afastou para atuar como professora junto à escola estadual Rio da Luz I, onde se aposentou em maio de 1968.

Com a saída da senhora Paulina em 1966, assumiu a escola Vítor Meirelles, a professora Elvira Zapelini Aldrovandi, que se aposentou em 15/12/1988. Mais tarde, com a saída do senhor Francisco Solamon, assumiu a professora Maria Terezinha Garcia, residente na comunidade.

O patrono da escola é Vítor Meirelles, um pintor brasileiro que nasceu em Desterro (hoje Florianópolis), Santa Catarina, em 1832 e morreu, em 1903.


Foi um dos dois grandes pintores voltados para o registro dos eventos marcantes da história oficial do Brasil. Estudou pintura no Rio de Janeiro e, depois, em Florença, Roma e Paris.

Para pintar a Primeira Missa no Brasil, o pintor apoiou-se no conteúdo da carta de Pero Vaz de Caminha ao rei de Portugal. Uma das preocupações foi enaltecer a convivência supostamente pacífica entre brancos e índios.

A bandeira da escola possui as seguintes partes com os respectivos significados:

• O nome da escola contornando o círculo amarelo significa a interminável caminhada escolar para o aperfeiçoamento pessoal.

• A flâmula vermelha com o nome do patrono (Vítor Meirelles) significa o destaque ao grande mérito desse pintor catarinense.

• As três estrelas azuis significam os três rios que perpassam o bairro (daí o nome do bairro Três Rios do Norte).

• O círculo amarelo significa o valor da escola na nossa vida e a busca constante do conhecimento para crescermos como cidadãos do mundo.

• As letras pretas no centro do círculo amarelo significam as letras iniciais do nome

do patrono da escola: Vítor Meirelles.

• O número 1936 representa o ano de fundação da escola.

Matérias Relacionadas

Geral

Músico de Guaramirim será indenizado pelo uso indevido de suas canções na internet

De acordo com a argumentação do músico, 19 canções próprias foram disponibilizadas no serviço de streaming oferecido pela plataforma (ré), sem os devidos créditos
Músico de Guaramirim será indenizado pelo uso indevido de suas canções na internet
Geral

Jaraguá em Dança invade o fim de semana

Serão sete sessões com 81 apresentações até domingo
Jaraguá em Dança invade o fim de semana
Geral

Estradas Quirino Lunelli e Alvino Germano Lenz serão pavimentadas

O prefeito de Jaraguá do Sul, Antídio Lunelli, assinou nesta semana duas ordens de serviços que autorizam o início de pavimentações das duas vias do interior
Estradas Quirino Lunelli e Alvino Germano Lenz serão pavimentadas
Geral

Defesa Civil faz limpeza em pilares de pontes em Jaraguá do Sul

Desobstrução desses locais é uma medida preventiva, que visa facilitar o escoamento dos rios
Defesa Civil faz limpeza em pilares de pontes em Jaraguá do Sul
Ver mais de Geral