Mês do Trânsito - Rádio
Senteça

Envolvidos em crime no Jaraguá 84 são condenados

03 Set 2012 - 19h05

Após quase 12 horas de julgamento, o Tribunal do Júri da Comarca de Jaraguá do Sul condenou, na sexta-feira (31/08), Luís Ricardo Cardoso, vulgo "Pajé", e João Carlos Ribeiro de Moraes a, respectivamente, 35 e 24 anos de prisão pelos crimes de homicídio duplamente qualificado, tráfico de drogas, associação para o tráfico e corrupção de menor. O primeiro foi condenado, ainda, pelos crimes de posse ilegal de arma de fogo e entrega de arma de fogo para adolescente.


Consta na Ação Penal que, em meados de 2011, os acusados e um adolescente uniram-se para traficar drogas em Jaraguá do Sul e que, no dia 1º de julho do mesmo ano, a mando de "Pajé", João Carlos e o adolescente executaram Célio Roberto da Costa em razão de dívidas decorrentes do tráfico. O homicídio foi considerado duplamente qualificado por ter sido praticado por motivo torpe (promessa de recompensa) e utilizando recurso que dificultou a defesa da vítima.

Pajé foi condenado a 35 anos, 6 meses e 28 dias de prisão e João Carlos foi condenado a 24 anos, 10 meses e 20 dias de prisão. Os réus não poderão recorrer em liberdade em razão de terem permanecido presos durante todo o processo e, após o trânsito em julgado da decisão, deverão cumprir suas penas em regime inicialmente fechado por se tratar a hipótese de crime hediondo.


A denúncia foi oferecida, à época, pelo Promotor de Justiça Marcio Cota e atuou na sessão de julgamento o Promotor de Justiça André Teixeira Milioli, a qual foi presidida pela Juíza de Direito Anna Finke Suszek e teve na defesa os advogados Lodemar Resner e Diego Bayer.

Matérias Relacionadas

Economia

Confiança do empresário industrial cresce pelo quinto mês consecutivo

Indicador está 3,1 pontos abaixo do registrado antes da pandemia
Confiança do empresário industrial cresce pelo quinto mês consecutivo
Geral

Lei Geral de Proteção de Dados entra em vigor

Governo ainda precisa criar Autoridade Nacional de Proteção de Dados
Lei Geral de Proteção de Dados entra em vigor
Saúde

Pesquisadores criam tecido para restaurar nervos e ossos lesionados

A descoberta poderá ajudar pessoas que têm dificuldade para realizar atividades do dia a dia e ajudar o corpo delas a se curar sozinho das lesões
Pesquisadores criam tecido para restaurar nervos e ossos lesionados
Geral

Sargento despede-se do 14º Batalhão

Sargento despede-se do 14º Batalhão
Ver mais de Geral