GNet
Weg

Empresário Eggon João da Silva, foi sepultado ontem a tarde em Jaraguá do Sul

14 Set 2015 - 11h28

O empresário Eggon João do Silva, um dos fundadores da empresa WEG, foi sepultado em Jaraguá do Sul, na tarde de domingo (13). O schroedense morreu na madrugada de domingo, aos 85 anos e foi enterrado no Cemitério Central de Jaraguá do Sul. Estiveram presentes na cerimônia familiares, amigos e autoridades, entre eles o governador do Estado, Raimundo Colombo, o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc) e o prefeito de Jaraguá do Sul, Dieter Janssen, além do fundador remanescente da empresa, Werner Voigt.


De acordo com nota oficial da WEG, o empresário morreu por causas naturais. Ele fundou a Weg em 1961, juntamento com Geraldo Werninhaus (im memoriam) e Werner Voigt, que hoje é reconhecida mundialmente na  área de motores, automação e energia. Eggon Silva foi diretor presidente da empresa até 1989 e presidente do Conselho de Administração de 1989 a 2004. Também integrou os conselhos de outros importantes nomes do mercado, como Oxford, Tigre, Marisol e Perdigão.

O Centro Empresarial de Jaraguá do Sul e suas entidades ACIJS, APEVI, CDL e Sindicatos Patronais expressa à família de Eggon João da Silva, diretoria e colaboradores do Grupo WEG, os sentimentos de pesar das empresas associadas diante da perda deste grande industrial e cidadão.

O setor produtivo de Jaraguá do Sul manifesta o reconhecimento à sua participação como líder empresarial e acima de tudo por seu comprometimento com a comunidade. Em meio ao sentimento de profunda tristeza, expressamos o orgulho diante da efetiva presença de Eggon Silva em diferentes momentos de sua existência, seja na fundação da WEG e demais empresas onde esteve presente como dirigente, conselheiro ou acionista, no movimento associativo como ex-presidente da ACIJS e membro do Conselho Superior, na marcante atuação social, política e comunitária em favor do desenvolvimento econômico e social de Jaraguá do Sul, Santa Catarina e do Brasil.


Durante a programação da Rádio Jaraguá de domingo (13), o comunicador Rudimar Braga conversou com o industrial Wandér Weege que falou sobre o que significa a perda de Egon para Jaraguá do Sul.
[jwplayer mediaid="235295"]

[jwplayer mediaid="235294"]

[jwplayer mediaid="235293"]

O governador de Santa Catarina Raimundo Colombo também esteve presente. [jwplayer mediaid="235296"]

O prefeito de Jaraguá do Sul, Dieter Janssen, o empresário tem grande parcela no desenvolvimento do município.  [jwplayer mediaid="235297"]

Para o senador Paulo Bauer, além de um grande empresário, Eggon da Silva foi uma pessoa que implantou novas formas e novos conceitos. [jwplayer mediaid="235298"]

O presidente da Sociedade Cultura Artística Udo Wagner afirma que para ele, Eggon da Silva representa a grande liderança como empreendedor nato. [jwplayer mediaid="235299"]

 

GNet

Matérias Relacionadas

Economia

Empresário Vicente Donini recebe Ordem do Mérito da Indústria na sexta-feira

A distinção é concedida pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), com indicação da FIESC
Empresário Vicente Donini recebe Ordem do Mérito da Indústria na sexta-feira
Saúde

Exposição Interativa Saúde Bucal e Nutrição começa nesta quarta em Jaraguá

A exposição poderá ser visitada das 13h às 19h e tem entrada gratuita
Exposição Interativa Saúde Bucal e Nutrição começa nesta quarta em Jaraguá
Geral

Projeto da SCAR promove debates online com transmissão ao vivo sobre o universo da dança

As conversas, com transmissão ao vivo, passam pelo balé, jazz e pelas danças urbanas e acrobáticas
Geral

Guaramirim inicia três cursos gratuito

Medida beneficia população atendida pela Assistência Social do município
Guaramirim inicia três cursos gratuito
Ver mais de Geral