Geral

Empresa doa respiradores ao Hospital São José

Dentro da empresa, todas as medidas de prevenção e higienização foram tomadas

20 Mar 2020 - 14h09Por Da Redação
Empresa doa respiradores ao Hospital São José - Crédito: Divulgação Crédito: Divulgação

O Grupo Lunelli adotou um pacote de medidas de enfrentamento ao coronavírus. Desde a última terça-feira, dia 17, pessoas acima de 55 anos e gestantes foram liberadas de suas atividades.    

Dentro da empresa, todas as medidas de prevenção e higienização foram tomadas. Porém, diante do avanço dos casos no país, o Grupo acaba de decretar férias coletivas aos colaboradores de todas as unidades. A medida passa a valer a partir de segunda-feira, dia 23, e durará 14 dias. Nesse período, a empresa ainda fornecerá apoio em home office e algumas pessoas, em setores estratégicos, devem atuar em esquema de revezamento.    

Além disso, a preocupação com o atendimento de possíveis casos sensibilizou o Grupo Lunelli a promover uma ação social. A organização adquiriu respiradores que estão sendo doados ao Hospital São José, de Jaraguá do Sul, no Norte Catarinense, aumentando o número de equipamentos existentes na região. Eles são peças-chave no acolhimento a pessoas acometidas pela doença.


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região? CLIQUE AQUI e receba direto no seu WhatsApp! 

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

Promotor de Justiça verifica situação dos cabos soltos nas ruas em Jaraguá

Marcelo Cota e o secretário de Planejamento, Eduardo Bertoldi, identificaram situações de fiação irregular em Jaraguá do Sul
Promotor de Justiça verifica situação dos cabos soltos nas ruas em Jaraguá
Geral

Entra em vigor lei do teste de paternidade em parentes de suposto pai

O teste em parentes consanguíneos poderá ser autorizado por um juiz
Geral

Obras da rotatória da Bertha Weege começam na segunda-feira

Obras da rotatória da Bertha Weege começam na segunda-feira
Política

Caropreso pede que governo priorize solução para infestação de maruim

Deputado repercutiu assuntos tratados com secretário de Agricultura no norte catarinense e necessidade de reforço nas barreiras fitossanitárias
Caropreso pede que governo priorize solução para infestação de maruim
Ver mais de Geral