Caraguá
Secretaria de Saúde

Em audiência, secretário de Saúde presta contas do 3° quadrimestre de 2016

22 Fev 2017 - 12h35
Em audiência, secretário de Saúde presta contas do 3° quadrimestre de 2016 -
A audiência pública ocorreu no plenário do Legislativo na tarde desta terça-feira (21) e foi conduzida pelo presidente da Comissão de Educação, Cultura, Esporte, Saúde e Assistência Social, Eugênio Juraszek. Além dele, o vice-presidente, Anderson Kassner, e o membro da Comissão Arlindo Rincos também estavam presentes.

Segundo os dados apresentados, 37 mil 689 consultas foram realizadas na atenção básica de saúde só no 3° quadrimestre. Em 2016 ao todo foram 115 mil 896 consultas. Na atenção especializada foram 20 mil 651 consultas no 3° quadrimestre e 63 mil 273 no ano inteiro. Outros 106 mil 885 atendimentos foram registrados na Farmácia Básica no 3° quadrimestre e 318 mil 305 durante o ano de 2016. O total de receita da Saúde no ano foi de 169 milhões 43 mil e 289 reais.

O vereador Arlindo Rincos questionou sobre a continuidade da Estratégia de Saúde da Família (ESF) nos postos de saúde e dos Prontos Atendimentos Médico Ambulatorial (PAMA). O secretário explicou que no momento não há condições de ampliar as equipes de ESF, mas que a intenção da administração municipal é manter as 22 equipes trabalhando, bem como os PAMAs e toda a estrutura já consolidada.

Rincos também indagou a Schmidt sobre a falta de medicamentos nas farmácias básicas do município, afirmando que várias pessoas o procuram para reclamar da situação.

Jonas Schmidt explicou que manter os estoques tem sido uma tarefa árdua para o Executivo e chegaram a ter alguns problemas com o desabastecimento. “Não é só na Farmácia Básica, na Farmácia Popular também temos esse problema. Estamos tentando buscar e atualizar os estoques. Peço que esses pedidos sejam registrados na ouvidoria da Prefeitura para que tenhamos registradas essas demandas. Assim poderemos nos orientar melhor no futuro”, solicitou.

Anderson Kassner foi outro parlamentar a interpelar o secretário. Desta vez, sobre a manutenção das Unidades de Pronto Atendimento (UPA). Schmidt explicou que a conjuntura das UPAs é a mesma da ESF e do PAMA devido a situação financeira do Executivo. Afirmou que não serão construídas novas UPAs, por enquanto. A construção nem é o maior problema. O problema é manter a UPA. O valor para manter uma Unidade é 15 vezes maior do que o da construção”, elucidou o secretário.

O vereador Ronaldo de Souza questionou o administrador sobre as consultas de reavaliação de receitas. O parlamentar mostrou-se preocupado com a possível demora na execução dessas reavaliações. Ele sugeriu que os PAMAs realizassem essas consultas aos sábados como forma de acelerar o processo. Schmidt explicou que esse é um processo inevitável, mas que uma programação de datas que vai dar suporte às pessoas.

Matérias Relacionadas

Geral

Gustavo Bardim se apresenta na semifinal do The Voice Kids neste domingo

Veja como votar
Gustavo Bardim se apresenta na semifinal do The Voice Kids neste domingo
Geral

Morre o empresário Renato Trapp, presidente da Trapp Metalúrgica de Jaraguá

A Associação Empresarial de Jaraguá do Sul emitiu nota de pesar
Morre o empresário Renato Trapp, presidente da Trapp Metalúrgica de Jaraguá
Geral

Evento online quer potencializar recursos de incentivos fiscais a projetos sociais em SC

O tema será abordado pelo assessor de Responsabilidade Social da FIESC, Sandro Volpato Faria, e pela líder do programa Fundo Social, Andressa Mongruel Martins Vicenzi
Economia

Governo libera Fintechs a realizarem antecipação de até 5 ciclos do saque-aniversário do FGTS

A Jooy Digital, localizada em Jaraguá do Sul, é uma fintech de soluções digitais e desde junho, já realizou a antecipação de aproximadamente 4.700 clientes
Governo libera Fintechs a realizarem antecipação de até 5 ciclos do saque-aniversário do FGTS
Ver mais de Geral