Premix Concreto
Geral

Dilma Rousseff determina reforço no apoio técnico emergencial para as localidades afetadas pelas chuvas

09 Jan 2012 - 21h07

A presidenta Dilma Rousseff determinou, nesta segunda-feira, durante reunião com seis ministros e o secretário Nacional de Defesa Civil, que as ações dos centros de monitoramento de operação (postos avançados de integração das defesas civis municipais, estaduais e federal) nos estados sejam reforçadas a partir da criação da Força Nacional de Apoio Técnico de Emergência.


Dessa forma, o governo pretende articular de forma mais eficiente os diversos órgãos do governo federal, visando a efetivar medidas de prevenção e enfrentamento aos desastres naturais. Entre as ações previstas está o envio, em caráter emergencial, de 35 geólogos e 15 hidrólogos a Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo, estados que têm enfrentado dificuldades.

De acordo com o governo, as próximas 48 horas serão de grande risco para esses estados. "Nossa previsão é que, a partir de quarta ou quinta-feira, o tempo deve melhorar, mas os centros [de monitoramento de operação] permanecerão funcionando até o final de março", disse o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra.

- Serão 48 horas de mobilização muito intensa da Defesa Civil. Hoje há um alerta de risco alto para [as cidades mineiras] Belo Horizonte, Ouro Preto e Juiz de Fora. Foram 164 deslizamentos só em Ouro Preto. As cidades da Grande Vitória (ES) e os municípios da serra do Rio de Janeiro estão em alerta - informou o ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Aloízio Mercadante. Segundo ele, o governo já contabiliza 2,5 milhões de pessoas afetadas pelas chuvas.

Os ministros informaram que a presidenta solicitou que sejam tomadas as providências necessárias para que as populações das cidades em situação de emergência e de calamidade possam receber os benefícios de prestação continuada, e que o pagamento do Bolsa Família seja antecipado para as populações diretamente atingidas pelas chuvas. O governo já estuda também a liberação do Fundo de Garantida do Tempo de Serviço (FGTS) para a reconstrução de moradias destruídas pelas enchentes.

Mercadante anunciou, ainda, a compra e a adequação de radares que ajudarão na coleta de informações técnicas sobre o clima.

- Serão adquiridos quatro novos radares meteorológicos para entrarem em funcionamento na Bahia, Espírito Santo, Alagoas e São Paulo. Os novos radares vão se somar aos 23 já existentes - disse. O ministro disse que o governo comprará 1,5 mil radares automáticos pluviométricos. A estimativa de custo desse equipamento supera R$ 4 bilhões.

Na opinião dos ministros da Integração e da Ciência e Tecnologia, os investimentos preventivos foram aplicados corretamente e já apresentam resultados, apesar da ocorrência de tragédias.


- A presidenta Dilma está priorizando os investimentos em prevenção. Só que essa mudança de gasto com reconstrução vai demandar tempo. Não é uma agenda apenas para um governo, é uma agenda para uma geração. A população cresceu, foi morar de forma irregular em áreas de risco e não havia investimento público em moradia - disse Bezerra.

Os ministros Fernando Bezerra e Aloízio Mercadante manifestaram pesar e solidariedade às vítimas do deslizamento ocorrido nesta madrugada na cidade de Sapucaia, centro-sul fluminense. De acordo com a Secretaria de Estado da Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros, oito casas foram atingidas na localidade e a possibilidade é de que ainda haja entre 15 e 20 pessoas soterradas.

Participaram da reunião com a presidenta os ministros dos Transportes, Paulo Sérgio Passos; da Ciência e Tecnologia, Aloízio Mercadante; da Integração, Fernando Bezerra; da Saúde, Alexandra Padilha; interino da Defesa, Enzo Peri; e da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, e os secretários de Políticas e Programas de Pesquisa e Desenvolvimento, do Ministério de Ciência e Tecnologia, e Nacional de Defesa Civil, Humberto Viana Filho.

 

AGÊNCIA BRASIL

DIÁRIO CATARINENSE

Matérias Relacionadas

Geral

Ministro diz que BR-280 é prioridade, mas enfatiza importância da articulação regional

Ministro da Infraestrutura Tarcísio Gomes de Freitas participou de live organizada pela Associação Empresarial de Joinville
Ministro diz que BR-280 é prioridade, mas enfatiza importância da articulação regional
Geral

Prefeitura de Jaraguá esclarece sobre concurso público realizado em fevereiro

Concurso teve mais de 17 mil inscritos, de 12 estados brasileiros
Prefeitura de Jaraguá esclarece sobre concurso público realizado em fevereiro
Geral

Habilitações vencidas em 2020 terão um ano a mais de validade

Resolução do Contran entrou em vigor hoje
Habilitações vencidas em 2020 terão um ano a mais de validade
Geral

Guaramirim tem árvore de Natal em prol de animais que estão à procura de um lar

A iniciativa busca dar espaço para que as pessoas conheçam os animais que estão disponíveis para adoção e adotem ou ajudem os animais a encontrarem um lar
Guaramirim tem árvore de Natal em prol de animais que estão à procura de um lar
Ver mais de Geral