Mês do Trânsito - Rádio
Geral

Decisão relâmpago derruba prefeito de Mafra

28 Mar 2012 - 13h44

O requerimento de um vendedor de antenas parabólicas de Mafra, Zoilomar Sprangel, seguido de um ato da presidência da Câmara de Vereadores da cidade, extinguiu o mandato do prefeito João Alfredo Herbst, o Jango (PMDB), na noite de segunda-feira.

Se não houver reviravolta no caso, o mais provável é que a cidade tenha de passar por duas eleições neste ano: uma indireta em 30 dias (em que só os vereadores votam) e as eleições normais de outubro.

A situação inusitada, que ganhou destaque na terça-feira, pegou moradores de surpresa, mas não era totalmente inesperada por quem acompanha a política municipal de perto. Há pelo menos oito anos, a cidade do Planalto Norte vive uma sequência de brigas políticas.

A decisão da Câmara ocorreu enquanto Jango estava de férias. Sem vice-prefeito desde 30 de março de 2009 - dia em o vice César Pigatto (PMDB) renunciou e a cidade teve três prefeitos diferentes em quatro horas -, o presidente da Câmara de Vereadores, Paulo Sérgio Dutra, o Paulinho (PR), assumiu a Prefeitura há uma semana.

A entrega de um requerimento assinado pelo morador Zoilomar, cerca de meia hora antes da sessão ordinária desta segunda, levou o presidente em exercício da Câmara, vereador Osni Martins (PSD), a determinar a extinção do mandato de Jango. O interino diz ter amparado a decisão em consulta ao seu departamento jurídico e em leis apresentadas no requerimento.

Por não haver dispositivo na Lei Orgânica do Município que trate de um caso tão incomum, há interpretação de que o atual prefeito em exercício, Paulinho Dutra, possa permanecer no cargo até o fim do mandato (31 de dezembro).

Mas como lei estadual prevê a realização de eleição indireta, o mais provável é que a cidade eleja um novo prefeito em 30 dias. A Prefeitura ainda busca orientação jurídica sobre a dúvida.

O advogado de Jango, Marlon Bertol, viajou na terça para Brasília para tentar reverter a extinção do mandato na Justiça. Em entrevista para o jornal "A Notícia", Jango defende-se, afirma que vai entrar tentar recuperar o mandato na Justiça e se diz desiludido com a política.

DIÁRIO CATARINENSE

Matérias Relacionadas

Economia

Confiança do empresário industrial cresce pelo quinto mês consecutivo

Indicador está 3,1 pontos abaixo do registrado antes da pandemia
Confiança do empresário industrial cresce pelo quinto mês consecutivo
Geral

Lei Geral de Proteção de Dados entra em vigor

Governo ainda precisa criar Autoridade Nacional de Proteção de Dados
Lei Geral de Proteção de Dados entra em vigor
Saúde

Pesquisadores criam tecido para restaurar nervos e ossos lesionados

A descoberta poderá ajudar pessoas que têm dificuldade para realizar atividades do dia a dia e ajudar o corpo delas a se curar sozinho das lesões
Pesquisadores criam tecido para restaurar nervos e ossos lesionados
Geral

Sargento despede-se do 14º Batalhão

Sargento despede-se do 14º Batalhão
Ver mais de Geral