Unimed - Capa
Geral

Decisão relâmpago derruba prefeito de Mafra

28 Mar 2012 - 13h44

O requerimento de um vendedor de antenas parabólicas de Mafra, Zoilomar Sprangel, seguido de um ato da presidência da Câmara de Vereadores da cidade, extinguiu o mandato do prefeito João Alfredo Herbst, o Jango (PMDB), na noite de segunda-feira.

Se não houver reviravolta no caso, o mais provável é que a cidade tenha de passar por duas eleições neste ano: uma indireta em 30 dias (em que só os vereadores votam) e as eleições normais de outubro.

A situação inusitada, que ganhou destaque na terça-feira, pegou moradores de surpresa, mas não era totalmente inesperada por quem acompanha a política municipal de perto. Há pelo menos oito anos, a cidade do Planalto Norte vive uma sequência de brigas políticas.

A decisão da Câmara ocorreu enquanto Jango estava de férias. Sem vice-prefeito desde 30 de março de 2009 - dia em o vice César Pigatto (PMDB) renunciou e a cidade teve três prefeitos diferentes em quatro horas -, o presidente da Câmara de Vereadores, Paulo Sérgio Dutra, o Paulinho (PR), assumiu a Prefeitura há uma semana.

A entrega de um requerimento assinado pelo morador Zoilomar, cerca de meia hora antes da sessão ordinária desta segunda, levou o presidente em exercício da Câmara, vereador Osni Martins (PSD), a determinar a extinção do mandato de Jango. O interino diz ter amparado a decisão em consulta ao seu departamento jurídico e em leis apresentadas no requerimento.

Por não haver dispositivo na Lei Orgânica do Município que trate de um caso tão incomum, há interpretação de que o atual prefeito em exercício, Paulinho Dutra, possa permanecer no cargo até o fim do mandato (31 de dezembro).

Mas como lei estadual prevê a realização de eleição indireta, o mais provável é que a cidade eleja um novo prefeito em 30 dias. A Prefeitura ainda busca orientação jurídica sobre a dúvida.

O advogado de Jango, Marlon Bertol, viajou na terça para Brasília para tentar reverter a extinção do mandato na Justiça. Em entrevista para o jornal "A Notícia", Jango defende-se, afirma que vai entrar tentar recuperar o mandato na Justiça e se diz desiludido com a política.

DIÁRIO CATARINENSE

Matérias Relacionadas

Geral

Cartórios já podem autenticar documentos por meio digital

Certificação de cópias passa a ser de forma online
Cartórios já podem autenticar documentos por meio digital
Geral

Equipamentos públicos prestam assistência às mulheres vítimas de violência

Os profissionais dos Creas auxiliam as mulheres vítimas de violações de direitos com encaminhamentos e orientações referentes a serviços de Saúde, Educação, Defensoria Pública, Jurídicos e outros que forem necessários
Equipamentos públicos prestam assistência às mulheres vítimas de violência
Geral

Chuva provoca alagamentos em Guaramirim; Veja fotos

Choveu mais de 124 milímetros na madrugada, causando alagamentos em diversos bairros.
Chuva provoca alagamentos em Guaramirim; Veja fotos
Geral

Caminhão pega fogo na SC 108 em Massaranduba

Ninguém se feriu
Caminhão pega fogo na SC 108 em Massaranduba
Ver mais de Geral