Delivery Much
GERAL

Covas veta motos na Marginal do Pinheiros e cria áreas com máxima de 30km/h

17 Abr 2019 - 15h45Por Isabela Palhares

O prefeito Bruno Covas lançou nesta quarta-feira, 17, um plano de segurança para reduzir o número de acidentes no trânsito de São Paulo, que prevê a redução de velocidades em algumas regiões da cidade e veta motos na pista expressa da Marginal do Pinheiros. A ação prevê a criação de "áreas calmas", com velocidade máxima de 30km/h.

A redução vai na contramão da política de trânsito adota por seu antecessor, o governador João Doria que aumentou os limites de velocidade nas marginais Tietê e Pinheiros. Segundo Covas, a medida adotada em 2017 vai ser mantida. "Foi um compromisso combinado com a população. Não posso agora fazer algo diferente", disse.

Entre as ações previstas para a marginais está a proibição da circulação de motos na pista expressa da Marginal do Pinheiros, no sentido Interlagos/Castelo Branco, como já ocorre na Marginal do Tietê. "As marginais são pistas expressas e assim devem ser tratadas. O principal fator de acidentes nessas vias são as motos, por isso, a ação adotada será esta", disse Edson Caram, secretário de Mobilidade e Transportes.

A mudança deverá ocorrer até maio. A proibição às motos já ocorre nas pistas expressa e central da Marginal do Tietê, entre as 6h e 22h. O veto no sentido Interlagos da Marginal do Pinheiros ainda não é possível, pois há pontos em que não há divisão entre pista local e expressa. Segundo Caram, a CET estuda uma forma de fazer a separação.

As medidas estão no Plano de Segurança Viária 2019-2028 e prevê a alocação de R$ 35 milhões para as intervenções de segurança viária, com a criação de quatro "áreas calmas"- em Santana, São Miguel Paulista, Lapa e Centro - e "rotas escolares seguras". As "áreas calmas", além da redução de velocidade máxima, terão estreitamento de pistas, instalação de lombadas e faixas de pedestre elevadas, maior tempo de travessia para pedestre e alargamento de calçadas.

Segundo o prefeito, as ações pretendem reduzir o alto número de mortes na cidade. A meta da gestão é chegar a 2020 com o índice de mortes no trânsito a 6 a cada cem mil habitantes.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Geral

Conselho do PPI recomenda concessão de florestas no Amazonas

Medida ainda depende de aval do presidente da República
Geral

Deslizamentos de terra danificam imóveis em Jaraguá

Três casas tiveram danos ocasionados por deslizamentos. Além disso, houve registros de quedas de árvores e outras ocorrências sem gravidade.
Deslizamentos de terra danificam imóveis em Jaraguá
Geral

Participe dos grupos de WhatsApp da Rádio Jaraguá

Pelo aplicativo você tem acesso às notícias mais importantes a qualquer momento
Participe dos grupos de WhatsApp da Rádio Jaraguá
Geral

Norma de pesagem é revisada e caminhoneiro pagará menos, diz ministro

Segundo ele, peso por eixo será substituído e tolerância, ampliada
Ver mais de Geral