terça, 23 de julho de 2019 - 20h20
(47) 3371-1010Central (47) 3372-1010Ao Vivo
Obras

Concluída reforma da Ponte do “Padilha”

12 Fev 2013 - 12h18

Já está liberado o pontilhão que dá acesso ao loteamento Aldrovandi no Bairro Rio Molha. Foram nove horas de interdição para reparos na estrutura de madeira. As obras continuam no dia de hoje. Mais informações com o repórter Sérgio Luiz.

[jwplayer mediaid="64925"]

E ainda sobre as pontes do município, uma reunião hoje na prefeitura de Jaraguá do Sul vai definir os encaminhamentos para os reparos na ponte Trindade ligando o bairro Santa Luzia ao município de Schroeder. Entregue em dezembro de 2012 a obra que custou mais de R$ 400 mil, está interditada há um ano, após ceder 15 centímetros. Mesmo tendo garantia de cinco anos, a empresa que construiu a ponte disse que faz os reparos, mas quer receber por isso.


E o processo contra a construção de uma ponte que vai ligar os bairros Rau e Amizade continua tramitando no justiça. Iniciada no governo de Moacir Bertoldi (PR), a empresa abandonou a obra alegando que não estava recebendo. Quando Cecília Konell (PSD) assumiu, optou por outro local, mas enfrentou a resistência dos moradores da Rua Ana Müller Enke, que não querem o trânsito pesado naquela rua e ingressaram na justiça com uma ação coletiva. Agora a administração de Dieter Janssen (PP), estuda uma terceira opção, conforme o prefeito.

[jwplayer mediaid="64929"]

Também iniciada durante o governo de Moacir Bertoldi, aquela ponte ao lado do Motel Kalahari, ligando os bairros Rio Cerro e Rio da Luz, onde já foram investidos cerca de R$ 200 mil e parou nas cabeceiras, vai precisar em torno de R$ 300 mil, só para ajustar a rede de transmissão de energia elétrica, a ponte. Segundo o prefeito é uma das metas da atual administração, concluir essa ponte ainda em 2013.

[jwplayer mediaid="64927"]

A ponte ao lodo a escola Gertrudes Milbratz na Rua Amandus Rengel, iniciada em 2010, com 120 dias de prazo para ser concluída, continua parada. As cabeceiras foram construídas, mas depende de desapropriações para terem continuidade. O mesmo ocorre com a ponte que vai ligar os bairros Barra do Rio Cerro e Jaraguá Esquerdo saindo ao lado do curtume Schmitt. De acordo com o prefeito, uma pessoa foi contratada para cuidar exclusivamente das desapropriações. A ideia é se antecipar, agilizando o processo.

Odontocop - Julho