Geral

Ciclone deixa rastro de prejuízos em Jaraguá do Sul

Número de ocorrências chegou a 125 na cidade. A maior parte foi de destelhamento e queda de árvores.

02 Jul 2020 - 06h58Por Da Redação
Ciclone deixa rastro de prejuízos em Jaraguá do Sul -

O ciclone registrado em Santa Catarina deixou um rastro de prejuízos. Entre a noite de terça-feira e a tarde de quarta-feira, a equipe de Defesa Civil da Prefeitura de Jaraguá do Sul atendeu 125 ocorrências. A maior parte foi de destelhamento e queda de árvores.
Além disso, o patrimônio público também foi afetado, diversos equipamentos foram atingidos, como é o caso da Arena Jaraguá, que teve vidros quebrados, estruturas metálicas danificadas assim como rede elétrica, luminárias, placar eletrônico, cobertura, eternit das torres, divisória, bandeiras, portões de acesso da quadra, e rede de tubulação atingida. Outro equipamento da Secretaria de Cultura e Esporte danificado foi o CEU Manequinha e as áreas de lazer de diversos bairros.

No Centro Administrativo, árvores caíram sobre o estacionamento. A passagem foi liberada no começo da tarde. A cobertura de alguns setores também foi danificada, assim como equipamentos de informática.

O Centro de Inovação, em Três Rios do Sul, também sofreu avarias. Em função do deslocamento de placas e perfis, haverá necessidade de avaliação de todo o forro de gesso, assim como das janelas e vidros do prédio, algumas quebraram e outras tiveram a estrutura de metal entortada. Sete divisórias internas do prédio foram arrancadas assim com o o rufo do elevador.


A estrutura da Educação foi uma das mais prejudicadas. Das 60 unidades, 40 sofreram danos, sendo em 30 delas considerados graves. Na Escola Ribeirão Cavalo além da estrutura danificada houve perda do material didático. Na Rodolfo Dornbusch e na Francisco Solamon o telhado da quadra foi arrancado com a força do vento. Na Santo Estevão diversas telhas caíram durante o vendaval.

No setor de social, os dois abrigos de menores foram danificados, telhas caíram e as calhas foram danificadas. A mesma situação aconteceu no Centro de Referência de Assistência Social do bairro Nova Brasília e na Casa de Passagem. No Centro de Convivência, no Parque de Eventos, mantas térmicas, placas de isopor, forros de PVC, fiação elétrica e portas foram danificadas.

No Urbanismo, placas de logradouro, lixeiras e semáforos foram atingidos. Na Saúde, a maior ocorrência foi registrada na Unidade de Saude do bairro Vila Nova, onde a proteção do telhado foi arrancada com a força do vento.

Segundo o prefeito Antídio Lunelli, o empenho primeiro foi em atender as pessoas, mas ainda há muito trabalho pela frente, incluindo nas estradas do interior. “Foram muitas ocorrências de quedas de árvores e destelhamentos. A Defesa Civil e bombeiros trabalharam a madrugada inteira. Muita gente atingida, mas graças a Deus foram prejuízos apenas materiais. Tivemos danos em escolas, nosso parques, ruas, unidades de saúde. No Centro Administrativo também. Foi um temporal com ventos muito fortes. Vamos ter que trabalhar ainda mais duro”, avaliou.
 

Matérias Relacionadas

Geral

Bombeiros apagam incêndio em galpão em Guaramirim

A ocorrência foi registrada às 7h30 desta sexta-feira (30).
Bombeiros apagam incêndio em galpão em Guaramirim
Geral

Luto: Morre o jornalista e radialista Geraldo José

Na Rádio Jaraguá atuou na área esportiva como comentarista
Luto: Morre o jornalista e radialista Geraldo José
Geral

Jaraguá ganha duas filiais da Rede de Farmácias São João

As lojas começaram o atendimento ao público, com ofertas especiais de inauguração, nesta sexta-feira (30)
Jaraguá ganha duas filiais da Rede de Farmácias São João
Geral

SC registra -8,9ºC e temperatura negativa em 69 cidades nesta sext

O início da próxima semana faz frio, mas não tão intenso como estes últimos três dias
SC registra -8,9ºC e temperatura negativa em 69 cidades nesta sext
Ver mais de Geral