CMJS - Novembro
Saúde

Campanha contra a dengue é lançada em todo o Estado

19 Jan 2013 - 13h17

A Secretaria de Estado da Saúde lança, em todo o Estado, uma campanha de combate à dengue. A campanha começa nas redes de televisão, e chega às emissoras de rádio, terça-feira (22).


Com objetivo de sensibilizar a população, foi criada uma campanha leve e descontraída, fazendo alusão à arte marcial MMA. Na propaganda destinada aos catarinenses, o combate ao mosquito da dengue é tratado como uma luta a ser vencida por cada cidadão.

De acordo com informações da Diretoria de Vigilância Epidemiológica, nos 18 primeiros dias de 2013, houve suspeitas de dengue em 16 cidades catarinenses. Dos 36 casos suspeitos, cinco formam confirmados e sete descartados. Os municípios de Arroio Trinta, Chapecó, Itajaí, Jaraguá do Sul e São Bento do Sul tiveram, cada um, uma confirmação de dengue. Outras 24 pessoas ainda estão sendo avaliadas por equipes médicas dos municípios.

Em 2012, o Estado confirmou 100 casos de dengue em catarinenses - 57 em mulheres e 43 em homens. Diretor de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado da Saúde, Fábio Gaudenzi explica que a melhor maneira de prevenir a dengue é não dar condições para que o mosquito se reproduza. Por isso a importância de evitar a formação de poças de água em recipientes como pneus, tampas e copos. "A transmissão se dá pela picada do mosquito fêmea infectado pelo vírus, que se infecta picando pessoas doentes", explica o médico Fábio Gaudenzi, ao ressaltar que a transmissão não é possível pelo contato de um doente ou suas secreções com uma pessoa sadia, tampouco por fontes de água ou alimento.


Os sintomas da dengue são: febre, dor de cabeça, dor no corpo e dor por trás dos olhos, dor nas juntas e manchas vermelhas na pele. Um exame de sangue pode confirmar a infecção. Por isso, ao identificar os sintomas, a pessoa deve procurar um posto de saúde.

Como a prevenção depende muito dos hábitos e comportamentos das comunidades, a campanha que começa neste domingo busca conscientizar para não dar condições de o mosquito nascer.

Matérias Relacionadas

Educação

UniSociesc recebe Top de Marketing em quarta-feira de premiações na Fiesc

Instituição foi vencedora na categoria Serviços no evento promovido pela ADVB/SC (Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing de Santa Catarina)
UniSociesc recebe Top de Marketing em quarta-feira de premiações na Fiesc
Jaraguá do Sul

Cadastro e recadastramento nas creches ocorrerão a partir de segunda

O horário de atendimento é das 7h30 às 12 horas e das 13 às 17h30. É necessário estar com toda documentação exigida
Santa Catarina

Detran oferece versão digital da CNH antes da impressa

Santa Catarina é um dos quatro estados do país a oferecer mais essa comodidade aos condutores
Detran oferece versão digital da CNH antes da impressa
Saúde

Com a chegada do verão aumenta o risco de proliferação do mosquito Aedes aegypti

Diretor da Vigilância em Saúde sugere o uso do PEV para evitar acúmulo de materiais como pneus em áreas residenciais e criação de novos focos do transmissor da dengue, chikungunya e zica.
Com a chegada do verão aumenta o risco de proliferação do mosquito Aedes aegypti
Ver mais de Geral