GERAL

Brigas em festa de 'bate-bolas' deixam dois mortos e 11 feridos

04 Mar 2019 - 16h52Por Constança Rezende

Duas confusões envolvendo grupos de fantasiados de "bate-bolas" deixaram mortos e feridos na noite deste domingo, 3, na zona norte Rio. Um dos confrontos, em Marechal Hermes, deixou duas mortas em um tiroteio - um adolescente e um homem de 38 anos. Outras seis ficaram feridas. O caso está sendo investigado pela Divisão de Homicídios.

A outra confusão foi em Rocha Miranda, quando um homem de 42 anos atropelou várias pessoas durante uma festa de "bate-bolas". O homem, que foi preso na manhã desta segunda-feira, 4, feriu cinco pessoas, entre elas uma criança de 11 meses e outra de três anos.

O caso ocorreu por volta das 22h. O homem pode responder pelos crimes de tentativa de homicídio, embriaguez ao volante e dano ao patrimônio. Exames no Instituto Médico Legal indicaram que o atropelador ingeriu bebida alcoólica antes de dirigir.

Bate-bola

O "bate-bola", ou "Clóvis", ou "rodado" é uma tradição no carnaval carioca, onde pessoas fantasiadas e mascaradas levam uma bola presa a uma corda que usam para bater no chão com força, fazendo barulho e assustando quem passa.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Política

Caropreso pede que governo priorize solução para infestação de maruim

Deputado repercutiu assuntos tratados com secretário de Agricultura no norte catarinense e necessidade de reforço nas barreiras fitossanitárias
Caropreso pede que governo priorize solução para infestação de maruim
Geral

Justiça suspende pagamento de tarifa de pós-utilização no rotativo

Os usuários que estacionarem na Zona Azul da cidade e não efetuarem o pagamento, continuarão a receber o Aviso de Cobrança de Tarifa, mas somente poderão efetuar a quitação no prazo de até 10 minutos a partir do horário de emissão do aviso
Justiça suspende pagamento de tarifa de pós-utilização no rotativo
Saúde

Havan ajuda na compra de dois respiradores

Um deles foi doado para o Samu de Joinville e o outro para Barra Velha. Ambos vão atender os pacientes do município quando precisam ser transportados com urgência para hospitais da região
Geral

Chamadas telefônicas lideram o ranking de contatos para o Samae

Em segundo lugar estão as demandas através do aplicativo de celular (whatsapp) e por último os atendimentos presenciais
Chamadas telefônicas lideram o ranking de contatos para o Samae
Ver mais de Geral