Imobiliária Coralli
Geral

Barata e vidro na comida: Hospital Regional de São José busca quebrar contrato com fornecedora

10 Jan 2012 - 14h58

O Hospital Regional de São José, na Grande Florianópolis, busca há quatro meses terminar o contrato com a empresa responsável pela alimentação de pacientes e funcionários. O caso de uma barata encontrada na refeição de um dos pacientes, segundo o gerente técnico e diretor geral em exercício, Fernando Otto, é apenas mais uma das irregularidades registradas.

- A nossa principal alegação é que a empresa não cumpria as dietas específicas para pacientes diabéticos e hipertensos, entre outros - explica gerente.

A empresa que fornece as refeições, Nutribem, atua no Regional desde outubro de 2008, quando o serviço foi terceirizado. Os alimentos são preparados e acondicionados pela empresa nas instalações do hospital.

Otto admite que os problemas na alimentação, com falta de higiene na preparação e incidência de corpos estranhos na comida, como pedaços de vidro, afetam bastante a saúde dos pacientes. Segundo ele, não houve ocorrência de pessoas que tenham passado mal ou contraído doenças após ingerir os alimentos, mas até a falta de apetite causada é prejudicial.

A ocorrência da barata encontrada gerou mais uma notificação e multa à empresa - o gerente diz que já foram várias. De acordo com ele, essa é a providência que podem tomar a curto prazo, enquanto a Secretaria de Estado da Saúde encaminha o procedimento para que seja feita uma nova licitação, o que pode demorar.

A Nutribem ainda não se pronunciou sobre o assunto, mas deve emitir uma nota nas próximas horas.

DIÁRIO CATARINENSE

Matérias Relacionadas

Jaraguá do Sul

Jaraguá do Sul registra 38ª morte em decorrência do coronavírus

Nas últimas 24 horas foram 23 novos casos e 17 pessoas recuperadas
Jaraguá do Sul registra 38ª morte em decorrência do coronavírus
Corupá

Comunicado de utilidade pública: novo foco de dengue é registrado em Corupá

Este é o 9º foco positivo registrado em 2020 no Município
Geral

Parques são permitidos. Mas cuidados continuam

Prática de atividades físicas e até permanecer no local é permitido agora – com uso de máscara, álcool em gel, distanciamento
Parques são permitidos. Mas cuidados continuam
Educação

Educação capacita gestores para retomada e anuncia apoio pedagógico presencial na rede estadual

As redes municipal, privada e federal têm autonomia para decidir como conduzir as ações pedagógicas e a retomada, porém, de acordo com o que estabelece o PlanCon e mediante o acompanhamento e a atuação dos comitês municipais
Educação capacita gestores para retomada e anuncia apoio pedagógico presencial na rede estadual
Ver mais de Geral