moedas e cédulas falsas

Bancos terão que trocar moedas e cédulas falsas

29 Jun 2016 - 12h46

A nova regra, regulamentada pelo Banco Central (BC), foi publicada pelo Diário Oficial da União.


Quando o dinheiro com suspeita de ser falso for sacado em um banco, o cliente deve procurar qualquer agência para fazer a troca. No caso de aposentados ou beneficiários do Bolsa Família, que não têm conta em banco, a troca do dinheiro falso também é obrigatória. Basta procurar qualquer agência do banco onde o dinheiro foi sacado.

O BC lembra que não é preciso retirar extrato da conta para pedir a troca, porque os bancos têm registros dos saques. As instituições financeiras terão prazo de 180 dias para se adequar aos prazos para envio do dinheiro ao BC. De acordo com a regulamentação, os bancos terão até 30 dias para enviar o dinheiro com suspeita de ser falso, em municípios onde o BC tem representação. O prazo de 45 dias foi estabelecido para as demais localidades do país.

O BC tem, no máximo, 20 dias para fazer essa análise. Para acompanhar a análise das cédulas, o cidadão pode acessar a página do Banco Central.


Os bancos também devem informar sobre o andamento da análise, quando solicitados. Se a análise do BC apontar que o dinheiro é legítimo, o banco terá prazo de 24 horas para depositar o valor correspondente devido na conta corrente do cliente, após receber o crédito do valor. No caso de não correntistas, o prazo da instituição financeira para comunicar a disponibilidade do valor é de três dias úteis.

Matérias Relacionadas

Geral

Transformação digital pode gerar grande impacto econômico global

O tema foi debatido nesta quarta-feira (13) em workshop da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), em Brasília
Transformação digital pode gerar grande impacto econômico global
Brasil

Planta unha-de-gato pode combater tumores, descobrem cientistas brasileiros

A planta está na lista medicinal do SUS há mais de 10 anos
Planta unha-de-gato pode combater tumores, descobrem cientistas brasileiros
Educação

Carregador de celular com energia solar é criado por alunos de 13 anos

Bruno Henrique Muniz Meira e Gabriel Guimarães Prates, ambos com 13 anos, estudam no 8º ano da Escola Estadual João Arruda Brasil
Carregador de celular com energia solar é criado por alunos de 13 anos
Geral

Brasileira selecionada para missão espacial poderá ser 1ª astronauta do país

Dos seis jovens escolhidos, entre profissionais de várias nacionalidades, cinco são mulheres
Brasileira selecionada para missão espacial poderá ser 1ª astronauta do país
Ver mais de Geral