Caraguá
Agricultura

Agricultores familiares investem na panificação para diversificar a produção

14 Set 2016 - 12h00

E muitos deles passaram a investir na produção de pães e bolos como forma de aumentar o lucro e a competitividade das propriedades. Ao longo dos últimos seis anos, o Programa SC Rural já apoiou 86 projetos voltados para implantação ou melhoria de unidades industriais de panificação em todo o Estado, num investimento de aproximadamente R$ 13 milhões.


A família de Vilmar Klehm, que vive no interior de Taió, é uma das beneficiadas com recursos do SC Rural para desenvolver seu projeto de panificação. Vilmar contou com o apoio financeiro do Programa SC Rural no valor de R$ 29. 832,00 e deu uma contrapartida. A família construiu uma agroindústria nova, atendendo as normas sanitárias e a legislação, e adquiriu equipamentos mais modernos. Com as melhorias, a produção aumentou 30% e o trabalho ficou mais fácil.

Os Klehm produzem 620 pães e 180 bolos e cucas por semana, todos caseiros, e a expectativa é de que a produção aumente ainda mais. “Estamos plenamente convictos de que, sem o apoio financeiro e técnico recebido, não teríamos condições de chegar à situação atual”, afirma Vilmar. As duas filhas do casal já pensam em continuar na propriedade rural e ajudar os pais na administração do empreendimento. A produção de pães e bolos da família Klehm é comercializada por meio da Coopertaió.

O Programa SC Rural nasceu em 2011 e termina em junho de 2017, é executado pelo Governo do Estado em parceria com o Banco Mundial e destina recursos não reembolsáveis a empreendimentos da agricultura familiar, mediante contrapartida dos beneficiários. Os empreendimentos apoiados abrangem atividades agrícolas ou não agrícolas (como o turismo rural) por meio de projetos de caráter estruturante, de melhorias de sistemas produtivos ou planos de negócios, além de outras ações implementadas por cooperativas e associações de agricultores familiares.


O SC Rural é coordenado pela Secretaria da Agricultura e da Pesca e, por envolver atividades multissetoriais, é executado por diversas instituições: Epagri, Cidasc, Fatma, Polícia Militar Ambiental, Secretaria de Turismo, Cultura e Esportes, Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável e Secretaria de Infraestrutura.
Fonte: Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca de SC

Matérias Relacionadas

Geral

Gustavo Bardim se apresenta na semifinal do The Voice Kids neste domingo

Veja como votar
Gustavo Bardim se apresenta na semifinal do The Voice Kids neste domingo
Geral

Morre o empresário Renato Trapp, presidente da Trapp Metalúrgica de Jaraguá

A Associação Empresarial de Jaraguá do Sul emitiu nota de pesar
Morre o empresário Renato Trapp, presidente da Trapp Metalúrgica de Jaraguá
Geral

Evento online quer potencializar recursos de incentivos fiscais a projetos sociais em SC

O tema será abordado pelo assessor de Responsabilidade Social da FIESC, Sandro Volpato Faria, e pela líder do programa Fundo Social, Andressa Mongruel Martins Vicenzi
Economia

Governo libera Fintechs a realizarem antecipação de até 5 ciclos do saque-aniversário do FGTS

A Jooy Digital, localizada em Jaraguá do Sul, é uma fintech de soluções digitais e desde junho, já realizou a antecipação de aproximadamente 4.700 clientes
Governo libera Fintechs a realizarem antecipação de até 5 ciclos do saque-aniversário do FGTS
Ver mais de Geral