Caraguá
aleitamento materno

Agosto é mês de incentivo ao aleitamento materno

29 Jul 2016 - 19h08

As atividades fazem parte da campanha Agosto Dourado, iniciada em 1992 pela Aliança Mundial para Ação em Aleitamento Materno e que hoje é realizada em mais de 150 países. A Semana Mundial de Aleitamento Materno é promovida de 1º a 7 de agosto e, em Jaraguá, terá duas atividades principais.


Uma palestra organizada pelo Grupo Condutor Municipal da Rede Cegonha voltada a gestantes, lactantes, pais, profissionais de saúde e pessoas interessadas, com o tema “Amamentação: uma chave para o desenvolvimento sustentável”, às 14 horas de quarta-feira (3), na Câmara de Vereadores de Jaraguá do Sul. E a “Hora do Mamaço”, organizada pelo Grupo Aleitamento Materno Solidário (AMS Brasil), com coordenação da naturóloga Fernanda Fock. A Hora do Mamaço será realizada no Sesc, bairro Czerniewicz, às 10 horas de sábado (6), quando as mulheres em aleitamento materno são convidadas a amamentar seus bebês em público, mostrando a beleza e a importância do ato. Durante todo o mês de agosto, profissionais de saúde usarão na roupa um lacinho dourado, lembrando a importância do aleitamento materno. As unidades de saúde expõem cartazes sobre o tema e os funcionários intensificam as orientações sobre a amamentação.


Vantagens do aleitamento materno

Evita mortes infantis, diarreia, infecção respiratória. Diminui o risco de alergias, de hipertensão, de colesterol alto e diabetes. Reduz a chance de obesidade, garante melhor nutrição. Tem efeito positivo na inteligência, auxilia no desenvolvimento da cavidade bucal, ajuda na prevenção do câncer de mama. Proporciona menores custos financeiros e promove o vínculo afetivo entre mãe e filho.

De acordo com o Ministério da Saúde, o aleitamento materno é uma das medidas mais efetivas para evitar a mortalidade infantil. Estima-se que a amamentação poderia evitar 13% das mortes em crianças menores de cinco anos em todo o mundo, por causas preveníveis.

Números

Dados da pesquisa de prevalência de aleitamento materno nas capitais brasileiras e Distrito Federal de 2009 apontam que:
-67,7% dos bebês mamaram na primeira hora de vida;
-a prevalência do Aleitamento Materno Exclusivo (AME) em menores de seis meses foi de 41% no conjunto das capitais;
-a duração média do AME foi de 54,1 dias ou 1,8 meses
-a duração média do aleitamento materno (não exclusivo) foi de 341,6 dias ou 11,2 meses
-para o total das crianças menores de 12 meses analisadas, foi frequente o uso de mamadeira, 58,4%, e de chupeta, 42,6%

Matérias Relacionadas

Geral

Cooper reforça compromisso ambiental no Dia da Árvore

Foram distribuídas 13 mil mudas de flores e de árvores frutíferas
Cooper reforça compromisso ambiental no Dia da Árvore
Geral

Encontrado corpo de jovem que desapareceu na praia do Ervino 

O rapaz, natural de Jaraguá do Sul, entrou no mar com outros amigos, mas foi puxado pela correnteza e acabou submergindo
Encontrado corpo de jovem que desapareceu na praia do Ervino 
Geral

Núcleo das Cervejarias comemora desempenho de marcas de Jaraguá em evento mundial

O concurso ocorreu em Londres e divulgou a lista de vencedoras deste ano, com quatro cervejarias catarinenses entre as premiadas, somando 14 rótulos diferentes
Núcleo das Cervejarias comemora desempenho de marcas de Jaraguá em evento mundial
Economia

Prefeitura de Guaramirim abre Portal do Emprego

Iniciativa disponibiliza sistema online para que empresas cadastrem vagas em aberto e público em geral consulte as disponíveis
Prefeitura de Guaramirim abre Portal do Emprego
Ver mais de Geral