Imobiliária Coralli
Geral

Acordo entre funcionários da Tupy e diretoria resulta em reajuste de 8% nos salários

11 Abr 2012 - 16h25

A paralisação de 36 horas da Tupy, que terminou nesta terça e resultou em um aumento de 8% nos salários, começou com bilhetes trocados nos banheiros e vestiários da empresa. As primeiras conversas sobre uma possível greve começaram em janeiro.


Reclamações sobre problemas no ambiente de trabalho foram levadas inicialmente à Comissão Interna sobre Prevenção de Acidentes (Cipa).

- Falávamos das nossas insatisfações nas reuniões da Cipa e nunca fomos ouvidos. Alguma vezes falavam em nos dar advertências caso continuássemos a reclamar -, revela um dos trabalhadores que liderou o processo de mobilização interna.

Vendo que as reclamações não surtiam efeito, os trabalhadores começaram a trocar ideias por meio de bilhetes que eram colocados nos banheiros e vestiários.

- Deixávamos uma lista perguntando quem era a favor de fazer uma greve para reivindicar melhoria dos salários e do ambiente de trabalho. O pessoal escrevia na lista o nome e o turno em que trabalhava. Quando contamos um número forte o suficiente para fazer o movimento, começamos a organização -, diz o operário.

Os funcionários afirmam que os banheiros estampavam murais para a comunicação. O ritmo de trabalho nas máquinas era intensificado para que não houvesse oportunidade de conversa durante o expediente. Depois das listas de adeptos da greve, começaram os bilhetes para acertar o dia em que o movimento começaria.

A apresentação dos resultados da empresa à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), na segunda da semana passada, foi o detonador do movimento. O faturamento de R$ 2,19 bilhões em 2011 (16,8% a mais do que no ano anterior) e os lucros de R$ 203,4 milhões (31,7% maiores) foram a senha.

- Isto foi fundamental para o início da greve -, diz o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, Genivaldo Ferreira.

Os funcionários do terceiro turno, que entraram às 5 horas de domingo, saíram de seus postos de trabalho por volta das 3h30 de segunda-feira, cientes de que os colegas do turno seguinte, que começaria às 5 horas, já estariam preparados para a mobilização. Começava ali a greve que surpreendeu a Tupy.

DIÁRIO CATARINENSE

Matérias Relacionadas

Geral

Federação de Bancos alerta para aumento de fraudes durante a pandemia

Houve alta de 60% em tentativas de golpes financeiros contra idosos
Federação de Bancos alerta para aumento de fraudes durante a pandemia
Saúde

Covid-19: estudo com 50 mil pessoas aponta segurança da vacina chinesa

CoronaVac está na última etapa de estudos em humanos
Covid-19: estudo com 50 mil pessoas aponta segurança da vacina chinesa
Esportes

Tóquio exigirá testes de covid-19 para atletas, mas não quarentena

Primeiro-ministro do Japão e Thomas Bach iniciaram projeto de regras
Tóquio exigirá testes de covid-19 para atletas, mas não quarentena
Segurança

[VÍDEO] Polícias Militar e Civil procuram informações sobre homem que assaltou estabelecimentos em Guaramirim

O rapaz de aproximadamente 1,60, cabelo enrolado, sempre usa boné e máscara, cometeu pelo menos dois crimes no Centro
[VÍDEO] Polícias Militar e Civil procuram informações sobre homem que assaltou estabelecimentos em Guaramirim
Ver mais de Geral