Futebol

Com 4 Bolas de Ouro, Ronaldo diz que teria mais que Messi se jogasse com o argentino

13 Dez 2016 - 14h08
O camisa 10 do Barcelona foi, como esperado, o segundo na eleição de 2016.

Questionado sobre as chances de receber o prêmio caso jogasse ao lado de Messi, Ronaldo garatiu que teria mais. "É uma pergunta difícil. Não sei. Seria interessante ver nós dois no mesmo time. Acho que grandes jogadores devem atuar juntos", comentou o atacante do Real Madrid.

"Então se estivéssemos no mesmo time, eu teria mais do que ele, mas não por muito", comentou ele.

Cristiano Ronaldo ainda falou sobre suas chances de igualar as cinco Bolas de Ouro de Messi em 2017. "Vou tentar. Estarei na luta, como sempre, mas meu objetivo agora é vencer o Mundial de Clubes", seguiu.

"Depois disso, vencer La Liga. É um título que o Real deseja conquistar. Se for possível, quero a Champions League de novo e a Copa do Rei. Sempre quero vencer tudo", afirmou Ronaldo.

Para isso, o português de 31 anos já admitiu que fará mudanças em sua preparação física, depois de jogar ao menos 30 vezes no Campeonato Espanhol nas últimas seis temporadas.

"É algo completamente normal. Não apenas para mim", falou Ronaldo sobre diminuir o ritmo. "Com a idade, todo humano perde algo e ganha uma outra coisa. Sempre tento estar na minha melhor condição física. Você precisa ser inteligente. Treinar quando possível, ter uma pré-temporada personalizada. Pensar mais no final do ano, não apenas no começo. Não é um "sprint", mas uma maratona", garantiu.

"Tem de ser feito. Tenho que aceitar a realidade, meus 31 anos. Não é fácil, porque me sinto muito bem, mas vejo que a recuperação depois dos jogos não é a mesma. É um pouco mais lenta", comentou Ronaldo.

Mais do que a preparação, o português não vê problemas em mudar sua função em campo para seguir eficiente.

"Por que não? É algo a se pensar; Estou pronto e aceito se as coisas mudarem. Não tenho apenas a ambição de ganhar a Bola de Ouro. O principal é jogar futebol, treinar na chuva, no frio. Quando não sentir mais a vontade de fazer isso, vou parar. Sei que chegará o momento em que não poderei mais marcar 50 gols em uma temporada. Não vencer a Bola de Ouro e nem ser candidato. Em dois ou três anos, não sei se ainda estarei concorrendo. Espero que sim", completou Ronaldo.

Fonte: ESPN via UOL

Matérias Relacionadas

Esportes

Com dois de Pedro, Flamengo derrota Grêmio e avança na Copa do Brasil

Nas semifinais o Rubro-Negro enfrenta o Athletico-PR
Com dois de Pedro, Flamengo derrota Grêmio e avança na Copa do Brasil
Esportes

Decreto autoriza acesso de público a competições esportivas em Santa Catarina

A liberação está atrelada ao cumprimento dos protocolos e regramentos sanitários específicos da Secretaria de Estado da Saúde (SES)
Decreto autoriza acesso de público a competições esportivas em Santa Catarina
Esportes

Seleção vence Peru e mantém campanha perfeita nas Eliminatórias

Neymar marca e se torna maior artilheiro do Brasil na competição
Seleção vence Peru e mantém campanha perfeita nas Eliminatórias
Esportes

Anvisa paralisa jogo entre Brasil e Argentina; partida é encerrada

Quatro argentinos entraram em campo descumprindo regras sanitárias
Ver mais de Futebol