Mês do Trânsito - Rádio
Esportes

Sete modalidades abrem Paralimpíada de Tóquio no ano que vem

Cronograma indica primeira medalha no ciclismo de pista

08 Ago 2020 - 08h00Por Da Redação
Sete modalidades abrem Paralimpíada de Tóquio no ano que vem - Crédito: Unsplash / Ilustrativa Crédito: Unsplash / Ilustrativa

O Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio divulgou nesta segunda-feira (3) o cronograma das Paralimpíadas, que serão realizadas entre 24 de agosto e 5 de setembro de 2021. As disputas na capital japonesa começam para valer no dia 25, com cinco modalidades: goalball, natação, tênis de mesa, basquete em cadeira de rodas e esgrima em cadeira de rodas. As competições terão início às 9h, no horário local, ou seja, às 21h no horário de Brasília (DF). Ao longo do dia, também haverá provas de ciclismo de pista e o início do rugby em cadeira de rodas.

A expectativa é que a primeira medalha saia no ciclismo, na perseguição individual feminina (3 Km) pela classe C1-3 (atletas com deficiência físico-motora e amputados), no velódromo de Izu, cidade a cerca de 130 quilômetros de Tóquio. A modalidade ainda terá outras três provas valendo pódio no mesmo dia. Ainda haverá disputas por medalha na natação (16) e na esgrima (quatro).

Das novas modalidades paralímpicas, o badminton será a primeira a estrear em Tóquio, em 1º de setembro. No dia seguinte, será a estreia do taekwondo. Já no último dia dos Jogos, além da cerimônia de encerramento, haverá as disputas finais de atletismo (provas de maratona), badminton, tiro esportivo, vôlei sentado feminino e basquete em cadeira de rodas masculino.

Serão 539 eventos de 22 modalidades. O atletismo, com 167 provas, é o esporte que mais distribuirá medalhas. O dia 29 de agosto, um domingo, é o que concentrará mais brigas pelo pódio em Tóquio: 63 disputas, sendo 20 no atletismo, 13 na natação, cinco no judô, quatro no remo, quatro no triatlo e uma no rugby para cadeirantes.

"O anúncio do cronograma de competições é sempre um marco para toda Paralimpíada. Com um ano pela frente, os atletas podem, agora, saber quando competirão e os espectadores terão como se planejarem para quais eventos assistir, pessoalmente ou pela televisão", declarou Andrew Parsons, presidente do Comitê Paralímpico Internacional (IPC, sigla em inglês), em comunicado oficial da entidade.

Olimpíada

cronograma oficial da Olimpíada de Tóquio havia sido divulgado em 22 de julho. Apesar de a cerimônia de abertura estar programada para 23 de julho do próximo ano, as disputas terão início dois dias antes. No dia 21, às 9h, no horário local (21h do dia 20, no horário de Brasília), o duelo entre Austrália e Japão, pelo softbol, abre os Jogos na cidade de Fukushima, a 240 quilômetros da capital japonesa. No mesmo dia, está previsto o começo do futebol feminino. O Brasil é um dos países classificados.

A Olimpíada de 2021 seguirá até 8 de agosto, com as maratonas masculina e feminina e as finais de basquete feminino, boxe, ciclismo de pista, handebol feminino, ginástica rítmica, vôlei feminino e polo aquático masculino, além da cerimônia de encerramento. Ao todo, serão 339 eventos valendo medalha em 33 modalidades.

Fonte: Agência Brasil


Quer ser o primeiro a saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região?CLIQUE AQUIe receba diretono seu WhatsApp! 

Matérias Relacionadas

Esportes

Atlético-GO e Fluminense lutam por vaga na Copa do Brasil

O Tricolor não vai contar com Fred, que permaneceu no Rio de Janeiro
Atlético-GO e Fluminense lutam por vaga na Copa do Brasil
Esportes

No Beira-Rio, Grêmio vence clássico Gre-Nal 427

No Paraguai, Palmeiras fica no 0 a 0 com Guaraní e adia classificação
No Beira-Rio, Grêmio vence clássico Gre-Nal 427
Esportes

Tóquio exigirá testes de covid-19 para atletas, mas não quarentena

Primeiro-ministro do Japão e Thomas Bach iniciaram projeto de regras
Tóquio exigirá testes de covid-19 para atletas, mas não quarentena
Esportes

São Paulo perde para LDU e se complica na Libertadores

Tricolor faz primeiro tempo ruim e não consegue reagir
São Paulo perde para LDU e se complica na Libertadores
Ver mais de Esportes