Delivery Much
ESPORTE

Sem receber, João Vitor aciona a Ponte Preta na Justiça e tem contrato rescindido

19 Abr 2019 - 17h42

O volante João Vitor está livre para assinar com qualquer clube do futebol brasileiro. Há três meses sem receber, o atleta entrou na Justiça e conseguiu rescindir seu contrato com a Ponte Preta, que havia o emprestado para o Coritiba, pelo qual disputou o Campeonato Paranaense.

João Vitor tinha parte dos vencimentos pagos pelo Coritiba, que transferia o valor para a Ponte Preta. Por sua vez, o clube campineiro não repassava a quantia para o atleta de forma integral, pois, segundo afirmou em nota divulgada nesta sexta, descontava uma porcentagem referente à pensão alimentícia devida pelo atleta.

"É necessário ressaltar que é uma inverdade dizer que os valores do Coritiba não foram repassados ao jogador: de fato eles o foram, porém com o desconto determinado pela Justiça", diz um trecho da nota emitida pela Ponte.

A Ponte assumiu também que não arcava com sua parte há três meses e buscava uma negociação para pagar 50% dos vencimentos - R$ 50 mil (R$ 100 mil ao total). O volante, então, se viu obrigado a entrar na Justiça para conseguir receber. Com o fim do vínculo com a equipe campineira, o jogador acabou rescindindo também com o Coritiba, já que estava emprestado.

Titular do Coritiba durante o Campeonato Paranaense, João Vitor fará uma nova reunião com a diretoria com o clube para assinar contrato em definitivo. A primeira proposta, de dois anos, foi recusada pelo volante. O atleta participou de 15 dos 16 jogos disputados pela equipe na temporada.

O volante tem 30 anos e iniciou a carreira no Marília. Passou ainda por Grêmio Barueri, Palmeiras, Criciúma e Figueirense, antes de chegar à Ponte Preta. Ele vem treinando em separado do elenco até que se resolva a situação pendente com o Coritiba.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Esportes

Copa do Brasil: CBF altera fórmula e edição 2021 terá uma fase a menos

Clubes classificados por outras competições ingressam na 3ª fase
Copa do Brasil: CBF altera fórmula e edição 2021 terá uma fase a menos
Esportes

Final da Libertadores faz CBF mudar jogos de Palmeiras e Santos

Equipes atuariam no Brasileiro um dia após final continental
Esportes

Após 20 anos, Palmeiras volta à final da Taça Libertadores

Classificação veio mesmo com derrota por 2 a 0 para o River Plate
Após 20 anos, Palmeiras volta à final da Taça Libertadores
Esportes

Série B: Chapecoense garante volta à elite do futebol brasileiro

Acesso foi conquistado com vitória de 2 a 1 sobre Figueirense
Série B: Chapecoense garante volta à elite do futebol brasileiro
Ver mais de Esportes