GNet
Caraguá
ESPORTE

Porto marca no fim da prorrogação, elimina a Roma e avança às quartas de final

06 Mar 2019 - 20h55

De forma emocionante, com um gol marcado pelo lateral-esquerdo brasileiro Alex Telles em um pênalti dado com a ajuda do VAR (árbitro de vídeo) nos minutos finais da prorrogação, o Porto derrotou a Roma por 3 a 1, nesta quarta-feira, no estádio do Dragão, na Cidade do Porto, em Portugal, e se classificou às quartas de final da Liga dos Campeões da Europa. Na partida de ida, os italianos haviam vencido em casa por 2 a 1 e na volta os portugueses devolveram o placar e levaram a decisão para os 30 minutos extras.

Nesta primeira semana de jogos pela rodada de volta das oitavas de final, o Porto se junta a Manchester United e Ajax como times que conseguiram reverter a desvantagem na série. Ingleses e holandeses conseguiram a façanha de eliminarem dois favoritos ao título - Paris Saint-Germain e Real Madrid, respectivamente -, mesmo jogando como visitantes. O outro classificado é o Tottenham, que bateu o Borussia Dortmund duas vezes.

Em campo, Porto e Roma fizeram um jogo muito equilibrado. Em desvantagem no confronto e jogando com o apoio de sua torcida, o time português foi ao ataque desde o primeiro minuto. Não teve muita efetividade nas primeiras tentativas e só conseguiu abrir o placar aos 26 minutos. O atacante malinês Marega recuperou a bola no campo de ataque, tabelou na área e cruzou rasteiro para o brasileiro Tiquinho Soares, livre de marcação, apenas empurrar para o gol vazio.

Com o gol, o Porto estava se classificando e, assim, resolveu se precaver mais na defesa. Deu espaços para a Roma, que buscou as jogadas de ataque pelo lado esquerdo. Em uma delas, aos 35 minutos, o lateral-direito brasileiro Eder Militão derrubou Perotti na área e o pênalti foi marcado sem contestação. De Rossi foi para a cobrança e empatou o duelo, que agora estava a favor dos italianos.

Para a segunda etapa, não restava outra coisa ao Porto que não fosse atacar. Sem o capitão De Rossi, que pouco antes do intervalo teve de ser substituído por causa de uma lesão muscular, a Roma não tinha a mesma pegada na marcação e deixou espaços em sua defesa. Aos sete minutos, pelo lado esquerdo, Corona fez boa jogada e cruzou para Marega, livre na pequena área, completar com o pé direito e fazer 2 a 1.

A partir daí, o jogo ficou em um ritmo mais lento, com os times preocupados em não levar um gol que significaria a eliminação. Isso perdurou até os minutos finais da prorrogação, quando o VAR entrou em ação. Aos sete minutos do segundo tempo, Maxi Pereira chutou cruzado e Fernando não conseguiu alcançar a bola. Mas reclamou muito de ter sido puxado por Florenzi, o que foi confirmado pelo árbitro de vídeo depois de quatro minutos de paralisação. A cobrança foi feita com perfeição por Alex Telles no lado direito do gol de Olsen, que arriscou o canto oposto.

Nos últimos minutos, a Roma arriscou de tudo para fazer o gol da classificação. Valeu até tentar o uso do VAR novamente, aos 16 minutos, mas a disputa entre Marega e Schick na área do Porto não resultou em nada.

GNet

Matérias Relacionadas

Esportes

Confira os destaques do Arena dos Sports desta semana

Programa voltado para todas as atividades esportivas, contando com informações e entrevistas com destaques de várias modalidades.
Confira os destaques do Arena dos Sports desta semana
Esportes

Guaramirense campeã nacional de muay thai morre aos 32 anos

Velório ocorre nesta segunda-feira (3), a partir das 11h, na Capela Mortuária de Guaramirim
Guaramirense campeã nacional de muay thai morre aos 32 anos
Esportes

Paulo Sousa rescinde com a Polônia e é o novo técnico do Flamengo

Português de 51 anos assume após negociação frustrada com Jorge Jesus
Paulo Sousa rescinde com a Polônia e é o novo técnico do Flamengo
Esportes

Xande Melo é o novo técnico do Jaraguá Futsal

Ele chega para suprir a lacuna com a saída de Fernando Malafaia, demitido após a disputa dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc)
Xande Melo é o novo técnico do Jaraguá Futsal
Ver mais de Esportes