Delivery Much
ESPORTE

Ferrer perde para Zverev e dá adeus ao tênis no Masters 1000 de Madri

08 Mai 2019 - 21h43

A carreira do espanhol David Ferrer chegou ao fim nesta quarta-feira com a derrota por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/1, para o alemão Alexander Zverev, pela segunda rodada do Masters 1000 de Madri.

O espanhol de 37 anos havia anunciado que esta seria sua última competição porque não se sentia mais em condições de continuar competindo em alto nível no circuito mundial do tênis.

Ferrer terminou uma carreira de 20 anos com 27 títulos de simples, sendo o quinto maior campeão entre os tenistas atividades, atrás de Roger Federer, Rafael Nadal, Novak Djokovic e Andy Murray. Além disso, somou 733 vitórias em 1.111 partidas, a quarta melhor marca entre os jogadores ativos.

Visivelmente emocionado, Ferrer teve dificuldades para sacar quando teve match point contra, recuando algumas vezes e pedindo uma toalha para enxugar as lágrimas no rosto. Depois da derrota foi ovacionado de pé pelo público e falou em uma cerimônia para homenageá-lo, agradecendo a todos que ajudaram na sua carreira.

"Nunca vou esquecer este dia", disse, com sua esposa e filho ao lado. "Eu tenho muita sorte. Eu sempre quis terminar minha carreira assim. Eu não podia continuar jogando no nível que eu queria, mas estou muito feliz e muito orgulhoso da minha carreira."

Mensagens de outros jogadores foram mostradas no telão durante a cerimônia "Todos os jogadores estão muito tristes por ele estar se aposentando", disse Zverev, que também parecia emocionado. "Você sempre deixou tudo na quadra, em todas as partidas. É um privilégio para mim estar aqui jogando contra você no seu último jogo".

Hoje apenas o número 144 do mundo, Ferrer teve um bom começo contra Zverev, abrindo uma vantagem de 4/1 no primeiro set. Mas o alemão ganhou cinco games consecutivos para fechar a parcial. E venceu fácil o segundo set, encerrando a carreira de Ferrer. O polonês Hubert Hurkacz será seu adversário nas oitavas de final.

Também nesta quarta-feira, o grego Stefanos Tsitsipas, o número 9 do mundo, bateu o francês Adrian Mannarino, o 56º colocado no ranking, por 6/2 e 7/5. Nas oitavas de final, terá pela frente o espanhol Fernando Verdasco.

Premix Concreto

Matérias Relacionadas

Esportes

Rodada desta quarta-feira da Copa SC 2020 define último semifinalista

Já estão garantidos na semifinal Marcílio Dias, Joinville e Concórdia. Juventus e Navegantes disputam a última vaga
Esportes

Flamengo perde para Athletico-PR; Internacional dispara na liderança

Furacão joga com inteligência e aproveita falhas do adversário
Esportes

Vôlei de praia: novas duplas e parcerias olímpicas jogam no RJ

Esportes

Chapecoense vence Ponte Preta e assume liderança da Série B

Time catarinense superou Macaca por 1 a 0 com gol no fim
Ver mais de Esportes